Vettel vence e encosta na liderança do campeonato

O alemão Sebastian Vettel, da Red Bull, venceu o GP do Japão, 15ª etapa da temporada 2012 de Fórmula 1, disputado neste domingo em Suzuka. O segundo degrau do pódio ficou com o brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, quebrando o jejum que durava desde o GP da Coréia de 2010 e o japonês Kamui Kobayashi, da Sauber, em terceiro, conquistando o seu primeiro pódio da carreira.

Kobayashi comemorou não só o primeiro pódio da carreira, mas o marco de ter conquistado em casa e quebrado o jejum que durava desde 1990.

Logo na largada, o finlandês Kimi Raikkonen, da Lotus, acabou encaixotado e tocou a sua asa dianteira na roda traseira esquerda do espanhol Fernando Alonso, da Ferrari, que obteve um furo, acabou rodando e abandonando. Na segunda perna da primeira curva, o francês Romain Grosjean, companheiro de Raikkonen, atropelou o australiano Mark Webber, da Red Bull, mas, neste caso, os dois seguiram na pista. Grosjean, no entanto, recebeu uma punição de 10 segundos de stop-and-go.

Outro incidente ainda na primeira volta foi entre o brasileiro Bruno Senna, da Williams, e o alemão Nico Rosberg, da Mercedes. Um toque que acabou causando o abandono de Rosberg e uma punição para Senna.

O saldo da primeira volta foram três asas dianteiras trocadas: para Grosjean, Senna e Webber.

O brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, acertou na estratégia da primeira parada e conseguiu pular de quarto para segundo, após seus adversários ficarem presos no tráfego na volta à pista depois das suas paradas.

Destaque dos jornais desta semana, Sergio Perez, da Sauber e de transferência acertada para a McLaren, disputou por voltas posição com o inglês Lewis Hamilton, da McLaren e com transferência certa para a Mercedes no fim desta temporada. Na primeira vez Perez obteve sucesso numa manobra por dentro, mas depois do pit-stop, quando tentou ultrapassar o inglês no mesmo ponto, mas, desta vez, por fora, acabou levando a pior e rodando sozinho, ficando preso na brita e abandonando a prova.

O quarto lugar ficou com o inglês Jenson Button, da McLaren, seguido pelo seu companheiro e compatriota Lewis Hamilton, o finlandês Kimi Raikkonen, da Lotus, o alemão Nico Hulkenberg, da Force India, e o venezuelano Pastor Maldonado, da Williams, completando os oito primeiros colocados.

Completando a zona de pontuação vieram o australiano Mark Webber, da Red Bull, e o seu compatriota Daniel Ricciardo, da Toro Rosso.

Com este resultado, Vettel fica a 4 pontos do líder do Mundial de Pilotos, Alonso, que com o abandono vê a sua liderança ameaçada restando 5 provas para o final da temporada.

A Fórmula 1 volta às pistas em duas semanas com o GP da Coréia.

Confira o resultado do GP do Japão:

1) Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), 2 pit-stops
2) Felipe Massa (BRA/Ferrari), 2
3) Kamui Kobayashi (JAP/Sauber), 2
4) Jenson Button (ING/McLaren), 2
5) Lewis Hamilton (ING/McLaren), 2
6) Kimi Raikkonen (FIN/Lotus), 2
7) Nico Hulkenberg (ALE/Force India), 2
8) Pastor Maldonado (VEM/Williams), 2
9) Mark Webber (AUS/Red Bull), 2
10) Daniel Ricciardo (AUS/Toro Rosso), 2
11) Michael Schumacher (ALE/Mercedes GP), 2
12) Paul di Resta (ESC/Force India), 2
13) Jean-Eric Vergne (FRA/Toro Rosso), 2
14) Bruno Senna (BRA/Williams), 4
15) Heikki Kovalainen (FIN/Caterham), 2
16) Timo Glock (ALE/Marussia), 2
17) Vitaly Petrov (RUS/Caterham), 3
18) Pedro de la Rosa (ESP/HRT), 2
OUT) Romain Grosjean (FRA/Lotus), 4
OUT) Charles Pic (FRA/Marussia), 3
OUT) Narain Karthikeyan (IND/HRT), 2
OUT) Sergio Perez (MEX/Sauber), 1
OUT) Fernando Alonso (ESP/Ferrari), 0
OUT) Nico Rosberg (ALE/Mercedes GP), 0

(Por:F1 Mania)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.