Suhab-AM leva atendimento de negociação de débitos ao interior do Estado

Manaus – O Governo do Amazonas, por meio da Superintendência de Habitação do Estado (Suhab-AM), conseguiu arrecadar um total de R$ 36.006,70, referente a pagamentos de prestações em atraso de unidades habitacionais dos conjuntos Negreiros I, com 130 unidades, e Negreiros II, com 70 moradias, localizados em Maués (a 276 km em linha reta de Manaus).

As negociações das dívidas fazem parte da campanha “Suhab mais perto de você”, realizada no município de 1º a 10 de abril.

Ao todo, foram realizados 250 atendimentos pela equipe técnica da Suhab-AM, que, entre outros serviços, ofereceu acordos de parcelamento com entrada, descontos nos juros e multas, retirada do CPF do mutuário do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e orientações aos mutuários original contratuais. A equipe também formalizou processos de quitação, realizou encaminhamento a cartório e baixa de hipoteca de mutuários em dias junto à Suhab-AM.

De acordo com o chefe de arrecadação, Walter Oliva Pinto, o resultado foi positivo. “Os conjuntos de Maués lideravam a lista de inadimplência do interior. Por isso, essa ação foi programada para esse município. Nossa meta é realizar outras ações nas cidades onde temos altos números de inadimplência”, destaca Oliva.

A ação segue orientação do governador Omar Aziz de oferecer mais oportunidades para que os moradores possam solucionar o problema da inadimplência e também de fazer a Suhab-AM estar mais próxima do morador que acaba não tendo nenhum tipo de contato com o órgão após a entrega.

Além dos R$ 36.006,70 arrecadados na negociação, a equipe técnica da Suhab-AM firmou acordo com os mutuários para o recebimento de um montante de R$ 46.880,22, a ser recebido até o próximo 30 de junho de 2013.

Próximos atendimentos – Os próximos municípios a receberem as equipes técnicas da Suhab-AM serão Manicoré e Parintins nos meses de maio e julho. A programação de atividades prevê ainda atendimentos aos municípios de Humaitá, Itacoatiara e Coari, que também apresentam altos números de devedores.

Fonte – Agecom

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.