Sony dará adeus ao Brasil em 2021

Empresa Sony anuncia saída da Zona Franca de Manaus. Foto: reprodução internet

Sony anuncia fechamento de fábrica e saída do Brasil (15), após 48 anos de atuação no mercado brasileiro e como consequência disso, os produtos da gigante japonesa deixarão de ser vendidos no país.

Após 48 anos de atuação no mercado de Manaus (Zona Franca) Sony fechará as postas em 2021. Foto: reprodução internet

A Sony, uma das maiores fabricantes de eletrônicos do mundo, anunciou o fechamento de sua fábrica no Brasil a partir de 2021. A fábrica da empresa no país está localizada em Manaus (Zona Franca de Manaus).

A decisão deve gerar impacto negativo na ZFM?! SIMMMMM, com toda a certeza, não é somente a saída de uma gigante da tecnologia que fecha suas portas no País (Brasil), significa também que mais um produto de qualidade deixará de circular no País e se quisermos teremos que trazer de fora e, o principal e mais importante, irá gerar uma onda de desempregos que atingiram não somente os seus funcionários, alguns com mais de 10, 15 anos de casa, mais também empresas terceirizadas e afins que junto aos polos indústrias geram empregos e fazem a economia circular. Com isso, perdemos todos.

Além do fechamento da fábrica no país, produtos da empresa também pararão de ser vendidos no Brasil. Produtos como televisões, câmeras fotográficas e equipamentos de áudio da gigante japonesa não serão mais vendidos nas lojas do país.

“Nós decidimos fechar a fábrica em Manaus ao final de março de 2021 e interromper, em meados de 2021, as vendas de produtos de consumo pela Sony Brasil, tais como TV, áudio e câmeras, considerando o ambiente recente de mercado e a tendência esperada para os negócios”, informou a empresa em nota enviada ao site Exame.

O único eletrônico que continuará sendo vendido pela Sony no Brasil será o PlayStation 5. O videogame deve começar a ser vendido no país no final deste ano.

amazonianarede

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.