Segurança: Banhistas serão revistados para adentrar a Ponta Negra

Manaus – Como foi amplamente anunciado no início da semana, hoje começa a segurança reforçada na praia da Ponta negra e os banhistas só adentrarão ao local após serem revistados pelo policiamento e tudo em nome dos frequentadores da praia, um dos maiores cartões postais da cidade.

A novidade começa a valer a partir deste sábado (27), e vai vigorar em todos os final de semana, por tempo indeterminado. A informação chegou, nesta sexta-feira (26), pela Prefeitura de Manaus.

Policiais da Guarda Municipal e da Polícia Militar do Amazonas (PM/AM) estão encarregados de revistar os banhistas. Armas, garrafas de vidro e “outros objetos que apresentem risco” – como definiu a Prefeitura sem especificar nenhum objeto – não serão permitidos. Os adolescentes com bebidas alcoólicas estão impedidos de entrar no local.

A revista vai ocorrer em barreiras policiais nas principais entradas da praia. A medida é para “evitar maiores problemas”, como divulgou a Prefeitura, sem referir-se a 16 mortes por afogamento que aconteceram na praia, a partir de junho de 2012, depois de o balneário ser reformado pelo executivo municipal. O elevado número de mortes causou a interdição da praia.

A decisão de usar revista policial está acordada entre vários órgãos públicos municipais e estaduais. Vistoriar a entrada de cada banhista requer aumento no efetivo policial da área que será triplicado, segundo a Prefeitura. O número atual de policiais que atuam no local não foi divulgado.

O quantidade de ônibus que atende a Ponta Negra vai aumentar. A Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU) montou um esquema especial para embarque e desembarque de passageiros.

Lotação

Segundo a Agência de Comunicação Social do Estado do Amazonas (Agecom/AM), a Polícia Militar vai atuar com barreiras para revista dos banhistas e na fiscalização da venda de bebidas alcoólicas.

Em dias ensolarados o local tem lotação aproximada de 10 mil pessoas, segundo estimativa da PM/AM.
O policiamento na praia e no calçadão vai contar com viaturas e apoio do efetivo de policiais do programa Ronda no Bairro. A corporação terá 50 agentes em toda a extensão do balneário.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.