Secretaria de Cultura conclui salvamento de Pau Brasil

Manaus – Na manhã da última segunda-feira, dia 8 de outubro, a Secretaria de Estrado de Cultura (SEC) concluiu o salvamento de uma árvore de Pau Brasil, localizada em frente ao prédio do Palácio Rio Negro. A espécie havia sido avariada gravemente pelo último temporal, envergando e apresentando rachaduras em várias partes do tronco.

A primeira providência adotada pela SEC foi promover uma inspeção que foi conduzida por KK Bonates, cientista do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), que orientou o tratamento que deveria ser aplicado, inicialmente com a amarração do tronco na parte fissurada, de modo a evitar que ele se desprendesse inteiramente. Tal medida foi adotada imediatamente.

A fase seguinte foi a utilização de um guincho, cedido sem ônus pela construtora Andrade Gutierrez, que levantou a árvore até a recomposição possível do tronco, para ser feita uma amarração direta com corda de nylon, em caráter de emergência, e edificada uma base de sustentação em madeira, que vai suportar todo o peso do tronco, até a sua recuperação, ou que outro ramo novo brote do mesmo tronco principal.

As providências foram acompanhadas diretamente pelo secretário Robério Braga, que informou que “foram espécies plantadas pelo engenheiro agrônomo Cesar Najar Fernandes, há mais de 40 anos, quando o Palácio ainda era sede do Governo do Estado, e são raras de se obter, de vida longa e traduzem a história mais remota do Brasil, porque deram nome ao nosso País”.

Para KK Bonates, “essa era a única providência possível diante do dano que o temporal causou ao Pau Brasil, ou então o corte da árvore, o que o secretario não autorizou a ser feito”.

(Por:Agecom)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.