Reviravolta: Mãe do bebê que foi jogado para morte no Rio Negro, a exemplo do pai, é persa

Reviravolta: Mãe do bebê jogado no Rio Negro, também é presa
Reviravolta: Mãe do bebê jogado no Rio Negro, também é presa
Reviravolta: Mãe do bebê jogado no Rio Negro, também é presa

Manaus, AM – A mãe de um bebê de quatro meses que teria sidp no Tio Negro, em Manaus, foi presa nesta quinta-feira (3) enquanto prestava novo depoimento na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), na capital O pai da criança, permanece detido. A criança está sumida desdeo dia 14 de agosto.

De acordo com a Polícia Civil, o pai Josias de Oliveira Alves teria jogado o bebê no rio após uma discussão com a mãe da criança, Cleudes Maria Batista, sobre o pagamento de pensão alimentícia. O canoeiro foi preso após se apresentar à polícia no dia 21 de agosto. A defesa de Alves diz a mãe cometeu  o crime.

Cleudes teve a prisão preventiva decretada pela juíza Miza Telma, da 1ª Vara do Tribunal do Júri. A suspeita deve permanecer na sede da Delegacia de Homicídios até a próxima semana, de onde deverá ser encaminhada à Cadeira Pública, na capital.

O pai, que foi preso antes, continua  detido
O pai, que foi preso antes, continua detido

O delegado Ivo Martins, que acompanha o caso, disse que solicitou a prisão da suspeita para garantir a instrução criminal e a ordem pública.  “Vamos poder trabalhar com maior seguridade com ela próxima da gente, do que deixar ela solta, inclusive, praticando algumas atitudes que podem ser prejudicais à investigação”, disse.

Na delegacia, a mãe do bebê e o canoeiro, por meio da sua defesa, mantiveram as mesmas versões sobre o caso. O delegado informou ainda que Cleudes chorou mais quando soube da prisão do que quando falava do próprio filho.

Acareação Em agosto, pai e mãe participaram de uma acareação. O delegado Ivo Martins disse que eles teriam dificultado a investigação com informações desconexas. Além disso, o titular informou que a mãe do bebê admitiu ter mentido em depoimentos anteriores à polícia. De acordo com a polícia, a reconstituição do crime deve ocorrer em setembro.

Amazonianared-AmazoniniaTV

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.