Regularização Fundiária torna-se realidade em Áreas Protegidas do AM

O Governo do Estado realizou, no último fim de semana, a entrega do documento de Concessão de Direito Real de Uso – CDRU às famílias moradoras da Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Uatumã.

A comitiva foi liderada pelo vice-governador José Melo e composta pela secretária de meio ambiente, Kamila Amaral, presidente do Iteam Wagner Santana, coordenador do UGMC- Unidade Gestora do Ceuc Luis Henrique Piva.

Ao todo forem entregues 127 concessões que somam mais de 10 mil hectares que garantem a essas populações tradicionais o acesso seguro a terra, e ainda a possibilidade real de inclusão nos programas federais de apoio à agricultura familiar.

O vice-governador José Melo declarou aos presentes na solenidade de abertura a importância que as populações moradoras desta área têm para conservação da floresta: “O Amazonas é o Estado mais conservado do Brasil, possui 97% de sua floresta preservada, com isso demonstramos o quanto sabemos lidar com a natureza e dela tirar nossas riquezas, e reconhecemos com a regularização fundiária que as famílias moradoras dessas áreas protegidas são fundamentais para o processo histórico de conservação da natureza, e com isso estimulamos a agricultura familiar, a pesca, o extrativismo, o manejo florestal e todas as atividades realizadas com muita presteza pelo povo amazonense.”

De acordo com a secretária Kamila Amaral, a entrega das CDRU representa um esforço contínuo do Governo do Amazonas que através da SDS e ITEAM buscam melhorar a vida das comunidades e povos tradicionais do nosso Estado: “Com a regularização fundiária conseguimos realmente realizar a gestão de áreas protegidas do Amazonas, a todo temos 19 milhões de hectares de Unidades de Conservação criadas, e o mais difícil e desafiador é realizar a gestão com resultados concretos, dedicados não somente ao combate ao desmatamento, mas principalmente na melhoria da qualidade de vida das pessoas que habitam há décadas essas regiões e precisam ter seus direitos reconhecidos” .

Ainda no mês de março o governo do Amazonas entregará mais de 400 CDRU´s na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Amanã e Piagaçu Purus, atingindo assim as metas de regularização fundiária em áreas de uso sustentável do Estado.

Foto: Divulgação

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.