Profissionais de saúde da Semsa recebem reforço nas orientações contra o Aedes aegypti

 

aulasManaus, AM – Para reforçar o alerta sobre os riscos da proliferação do Aedes aegypti, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) está realizando, de forma constante, a sensibilização dos profissionais para a realização de ações de identificação e eliminação de focos do mosquito transmissor da dengue, da febre chikunghunya e do zika vírus.

“O trabalho está sendo realizado junto aos profissionais da Semsa, tanto aqueles que atuam diretamente no atendimento nas Unidades de Saúde quanto os que trabalham na área administrativa. Todos estão sendo sensibilizados para que estejam vigilantes não somente no local de trabalho, mas também em suas casas e comunidades”, garante o secretário municipal de Saúde, Homero de Miranda Leão Neto.

Desde quinta-feira, 7, o Distrito de Saúde Sul (Disa Sul) está reunindo os profissionais para reforçar as orientações sobre ações de combate ao Aedes aegypti. De acordo com a gerente do Distrito de Saúde Sul (Disa Sul), enfermeira Oriana Nascimento, foram três dias de sensibilização junto aos servidores, iniciando com os que trabalham na sede administrativa do Disa Sul e finalizando nesta segunda-feira, 11, com os Agentes Comunitários de Saúde (ACSs).

“Uma das prioridades do Disa Sul é buscar reforçar as orientações junto aos 250 ACSs que atuam na zona Sul, já que são eles que trabalham de forma rotineira visitando as casas e por isso têm um papel fundamental em multiplicar as informações nas comunidades em que atuam e na identificação de possíveis focos do mosquito Aedes aegypti”, destaca a gerente.

A orientação principal é para que os profissionais informem aos moradores sobre como evitar a existência de depósitos de água que possam servir de criadouro para o mosquito e para um maior cuidado com a destinação do lixo, impedindo a proliferação do Aedes aegypti.

Durante as reuniões, o Disa Sul também está reforçando a distribuição de folders com informações sobre os principais sintomas da dengue, zika vírus e da febre chikunghunya, e a utilização do check-list Dez Minutos Contra a Dengue, no qual os moradores podem aplicar em casa, conferindo os possíveis locais de proliferação do mosquito.

O pequeno e perigoso inimigo
O pequeno e perigoso inimigo, está por toda  parte

Principais sintomas

Dengue: febre alta, dor de cabeça, manchas vermelhas no corpo, dor nas articulações, dor atrás dos olhos, tontura, náuseas e vômitos, perda de peso, fraqueza, sangramento no nariz e na gengiva.

Chikungunya: febre alta, dor de cabeça, manchas vermelhas no corpo, dores intensas e inchaço nas articulações, principalmente de pé e mão; dor muscular.

ZikaV: febre baixa, dor de cabeça, lesões com pontos brancos e vermelhos na pele, dor nas cosas e olhos vermelhos.

Amaonianrde-Semco

 

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.