População tem primeiro fim de semana com Ponta Negra liberada

Manaus – A população vai aproveitar o primeiro fim de semana de liberação da praia da Ponta Negra. A expectativa é que mais de cinco mil pessoas compareçam ao balneário.

Nos dois primeiros dias de funcionamento da praia o que se viu foi a presença moderada do público. Mesmo assim, o Município está com as equipes prontas para receber os banhistas.

“A população de Manaus está de parabéns, porque respeitou o horário de abertura e fechamento da praia, dando exemplo de cidadania e urbanidade. A Prefeitura convida para todos venham nesse fim de semana, o primeiro após a reabertura da Ponta Negra, pois irão encontrar segurança e o conforto de está em uma praia, que já está sendo considerada de primeiro mundo”, afirmou Mafran Evangelista, presidente da Comissão Municipal de Uso da Ponta Negra.

Vinte agentes do Instituto Municipal de Ordem e Planejamento Urbano (Implurb), mais o efetivo do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e técnicos da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) se revezam para oferecer total segurança aos usuários. Além das sinalizações por meio placas e boias de limitação, o Corpo Permanente de Segurança também realiza o trabalho de orientação corpo a corpo com a população para evitar que se exponham aos riscos de afogamentos.

“Apesar de existir uma área delimitada para as crianças é importante que os pais estejam sempre observando seus filhos. Temos também a área de segurança para os banhistas em geral, na qual orientamos os banhistas que não ultrapassem as boias de segurança. Tanto nosso pessoal de terra, como de água, em lanchas e pranchões, estão orientando para que os banhistas retornem para zona segura”, explicou o tenente do Corpo de Bombeiros, Marco Antônio Gama.

Quem já compareceu à praia da Ponta Negra, aprovou as mudanças e novas regras de uso, como o encerramento do banho às cinco da tarde e a proibição de venda de bebidas alcoólicas por vendedores ambulantes. Orientações que estão sendo distribuídas em uma cartilha com todas as recomendações de organização e segurança.

“Acho que a praia está muito boa, a água está uma maravilha e só acontecem acidentes porque as pessoas extrapolam nas bebidas. Para minha família está muito bom”, disse o trabalhador autônomo José Carlos Barros, 41, que foi conferir a reabertura da praia com a esposa, Aldomira, e a filha Yasmim, de apenas dois anos.

REPORTAGEM: Alita Menezes / FOTO: Altemar Alcântara

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.