Polícia localiza carro roubado por quadrilha que levou mais de R$ 800 mil de agência de Lábrea

(Fotos: Ascom)

A Polícia Civil do Amazonas, por meio dos servidores da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD), em parceria com policiais da Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (Seai), localizou na tarde de sábado (23), no km 90 da BR-319, após um sobrevoo de aeronave, a picape Toyota Hilux de cor preta e placas NOJ-5941, roubada no último dia 28 de outubro, por cinco homens que empreenderam fuga após tentarem assaltar um carro forte da empresa Prossegur, no km 115 daquela rodovia federal.

A ação policial faz parte da operação “Lábrea”, que teve por objetivo capturar os cinco investigados pelo crime de tentativa de assalto ao carro forte, roubo da picape Toyota e assalto ao Banco do Brasil de Lábrea, este último ocorrido no dia 4 deste mês, quando foi levado R$ 827 mil da agência bancária.

No último dia 20 de novembro, Israel Lopes de Souza, conhecido como “Pit Bull”, foi capturado quando trafegava em uma picape Mitsubishi L200, de cor vermelha, com destino ao município de Humaitá. Em depoimento “Pit Bul” informou que os outros integrantes da quadrilha são: Mário Luiz Teixeira da Silva, o “Lu”, responsável pelo planejamento do assalto ao banco; José Hamilton da Silva, o “Doido” ou “Cearazinho”, chefe da quadrilha; Charles Dione Oliveira Alves, o “Dioninho” e Adilson Siderval de Souza, conhecido como “Pi”.

Com a ajuda de informações repassadas pela Polícia Civil do Estado de Rondônia foi possível constatar que o grupo é especializado em roubos a bancos em diversos estados do País.

Policiais da Delegacia Interativa de Humaitá, Seai, DERFD, Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), Companhia de Operações Especiais (COE) e Canil da Polícia Militar permanecerão no local até a captura de todos os integrantes da quadrilha. Ações simultâneas também estão sendo realizadas pela Delegacia de Lábrea.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.