Polícia Civil prende dupla envolvida com tráfico de drogas em Iranduba

(Foto: Ascom)

A Polícia Civil do Amazonas, por meio de servidores lotados na 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), localizada em Iranduba, município distante 27 km em linha reta de Manaus, deflagrou nesta terça-feira (12), por volta das 6h, a operação “Pé Grande”, que resultou nas prisões de dois homens considerados de alta periculosidade naquele local.

Sob o comando do Delegado Titular da 31ª DIP, Elcy Barroso, Valdenilson Fernandes dos Santos, 26, conhecido como “Rio Preto”, e Dielson Aguiar de Freitas, 28, o “Pezão”, foram presos na rua Deputado Alfredo, bairro Morada do Sol, em Iranduba, após dois meses de investigações.

As prisões aconteceram em cumprimento a mandados de prisão e de busca e apreensão expedidos no último dia 8 de novembro pela juíza Luciana Nasser, da 2ª Vara da Comarca de Iranduba.

Com os suspeitos foi encontrado um revólver calibre 38 com numeração raspada, uma pistola de 9 mm com numeração raspada de uso exclusivo das Forças Armadas, um tablete de substância com características de maconha, duas porções grandes com aspecto de pasta base e oxi, além de objetos para embalo e preparo da droga.

Segundo os Policiais Civis, a operação “Pé Grande” é resultado de denúncias de populares, que entram em contato com os servidores da instituição para informar lugares utilizados para a comercialização de drogas no local.

Os homens foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico (Artigos 33 e 35, respectivamente, da Lei nº 11. 343/06), e porte ilegal de arma de uso restrito (Artigo 14 do Estatuto do Desarmamento). Eles permanecem presos na DIP, que também funciona como unidade prisional, onde irão aguardar julgamento.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.