Polícia Civil autua homem por crime ambiental em Careiro da Várzea

(Foto: Ascom)

Policiais Civis da 35ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), localizada no município de Careiro da Várzea, distante 25 quilômetros em linha reta de Manaus, coordenados pelo Delegado Titular, David Jordão, com o apoio da Polícia Militar, detiveram por volta de meio- dia de terça-feira (18) Francisco Matos de Cunha, 59, na estrada do Purupuru, quilômetro 17 da Zona Rural da cidade.

De acordo com o Delegado David Jordão, a equipe se deslocou ao local após ser informada que Francisco estaria comentendo crimes ambientais em uma área que é de propriedade dele.

Ao chegarem ao endereço informado, os policiais se depararam com uma grande área desmatada, aproximadamente dois equitares. A madeira extraída da floresta é considerada de grande valor econômico e era utilizada para fabricação ilegal de carvão. Foram encontrados no local dois fornos em atividade, um deles com bastante matéria-prima. Ainda no terreno, acharam um ramal feito dentro da mata que era utilizado para transportar o carvão.

Uma pessoa que estava fazendo a manipulação do carvão fugiu ao ver a aproximação dos policiais. Francisco foi detido e levado à 35ª DIP. Ao chegar na unidade policial, ele foi autuado pela prática de crime ambiental. Por ser afiançável, ainda na manhã de hoje Francisco pagou a fiança arbitrada pela autoridade policial e irá responder em liberdade.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.