Paulistas dominam 2ª etapa do brasileiro de triathlon, em Manaus

Inspirados nos “Guerreiros de Selva” do Exército Brasileiro, 300 triatletas desafiaram os próprios limites na segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Cross Triathlon, realizado na manhã deste sábado, 6 de julho, no Batalhão de Instrução 4 (BI-4) do Centro de Instrução de Guerra na Selva (CIGS), na zona rural de Manaus, na abertura da programação do Jungle Warrior, evento realizado pela Confederação Brasileira de Triathlon (Cbtri) e Federação de Triathlon do Amazonas (Fetriam), em parceria com a Secretaria Municipal de Desporto, Lazer e Juventude (Semdej) e a Secretaria de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (Sejel).

Apesar de serem minoria entre os participantes, os atletas de fora do Amazonas dominaram os 1,5 km de natação, 30 km de mountain bike e 8 km de corrida. No masculino, o paulista Rodrigo Altafini terminou na primeira colocação com o tempo de 2h12min. Já no feminino, quem se deu melhor foi a também paulista Maria Luzia Belo, que venceu a prova com o tempo de 2h44min.

A PROVA

Com largada prevista para as 8h, os 300 atletas das categorias masculino, feminino e revezamento chegaram ao BI-4 ainda na madrugada, junto com a alvorada, que trouxe um forte calor logo nas primeiras horas da manhã.

Dez minutos antes da largada os triatletas fizeram a oração do “Guerreiro de Selva” e caíram na água ao som de estouros de granadas acionadas por militares.

Atleta mais rápido a completar a prova, Rodrigo Altafini assumiu a ponta no percurso de mountain bike, onde conseguiu abrir vantagem sobre o segundo colocado Felipe Moletta. Antes do início da corrida, uma punição de 15 segundos, mas nada que atrapalhasse a vitória do triatleta de Itapira (SP). “Senti muitas dificuldades na prova de mountain bike. O piso estava muito escorregadio e vi muito atletas caindo no decorrer da prova. Dedico esta vitória a minha mãe Márcia, que ontem fez aniversário”, disse Altafini, que com a vitória Manaus foi consagrado campeão brasileiro de cross triathlon na temporada.

Assim como no masculino, a prova feminina também foi definida durante o percurso de mountain bike. Líder após 1,5 km de natação, a baiana radicada no Amazonas, Tatiane Pereira, foi superada por Maria Luzia Belo durante os 30 km de ciclismo. “A Tatiane foi muito bem na natação, mas consegui me recuperar no mountain bike e vencer a prova. É a terceira vez que corro em Manaus e Cbtri e Fetriam estão de parabéns pela organização da prova”, comemorou Maria Luzia, que também já havia vencido a primeira etapa do Brasileiro de Cross Triathlon, no Espírito Santo, e com isso conquistou o título da temporada. Tatiante terminou a prova na terceira colocação, logo atrás da paulista Laura Mira.

HAJA FÔLEGO!

Na prova de revezamento, a equipe Márcio Soares Sports (número 110), do Amazonas, ficou na primeira colocação. As equipes 105 e 103 completaram o pódio da prova.

Mais duas corridas pedestres no campus da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), neste sábado, completam a programação do Jungle Warrior. No fim da tarde, as crianças entram na pista na “Kids Run”. À noite é a vez dos adultos competirem na “Night Run”.

CLASSIFICAÇÃO FINAL

Masculino:
1- Rodrigo Altafini (SP)- 2h12min
2- Felipe Moletta (SP)- 2h13min
3- Jefferson Silva (BA)- 2h52min
4- Carlos Henrique (PE)- 3h03min
5- Igor Menezes (AM)- 3h06min

Feminino:
1- Maria Luzia Bello (SP)- 2h44min
2- Laura Mira (SP)- 3h
3- Tatiane Pereira (AM)- 3h24min

(Sejel) 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.