100% dos homicídios elucidados em Maués

Foto:Divulgação
Quadrilhas desarticuladas, mais de 300 mil pés de maconha destruídos e 100% dos casos de homicídios elucidados, com os envolvidos identificados e os inquéritos remetidos a justiça, esses resultados positivos foram alcançados pela equipe de policiais civis da Delegacia Interativa de Maués.

O município obteve resultados positivos na segurança pública, a partir da inovação no trabalho policial, coordenado pelo Delegado Mário Sérgio Melo. A equipe é composta por 1 delegado de polícia, 5 investigadores e 2 escrivães.
Maués que é conhecido como a Terra do Guaraná, fica localizado a 268 quilômetros em linha reta de Manaus, e o cultivo deste produto é prática antiga na região, além das belas praias na orla da cidade. O município também já foi a principal rota de distribuição de entorpecentes e de plantações de maconha.
No período de 1 ano e 8 meses, a 48ª Delegacia Integrada de Polícia (DIP), obteve resultados positivos com 100% dos homicídios solucionados com indiciamento dos autores. Em 2010 foram registrados 20 casos, no ano seguinte foram 12 e neste ano foram apenas 8 homicídios no total. No ano de 2010 a 2011 houve uma redução de 40% nestes casos, comparando com 2012 houve uma redução de 30,76%.
O número de furtos também diminuiu gradativamente neste espaço de tempo. No ano de 2010 foram registrados 620 casos, no ano passado foram 382 e em 2012 foram apenas 214. Houve uma redução de 63% de 2010 para 2011 e 65,48% se comparado com 2012.
Para o Delegado Mário Melo, o trabalho em conjunto com a sociedade mauesense resultou na repressão a criminalidade que atuava na cidade e colaborou para os índices positivos identificados nas estatísticas da delegacia.
“Trabalhamos unidos, sociedade e a polícia, além dos trabalhos comuns a atividade policial, exercemos outros serviços em prol da população como o atendimento psicológico, social e interativo, em busca da melhoria do atendimento na delegacia”, destacou o delegado.
Trabalho operacional
Este trabalho desempenhado pelos policiais alcançou resultou eficaz. Foram deflagradas 11 operações neste período, entre elas a Operação Dilúvio, em maio de 2011, que combateu o tráfico de drogas e apreendeu meio milhão; a Operação Tornado onde foram apreendidos 15 carros roubados da capital; a Operação Renascer cumpriu nove mandados de prisão preventiva contra suspeitos de pedofilia, entre eles professores, servidores público e empresários da cidade; Operação Cartel do Pó- combate ao tráfico de cocaína, onde foram presos: Luis Carlos Nery, secretário de produção da Prefeitura Municipal de Maués, Jhonny Dolzani, irmão do vice prefeito e um proprietário de uma boate do município.
Na Operação Antracnose, que investigou desvio de dinheiro público, servidores públicos, presidentes de cooperativa e funcionários do Banco da Amazônia (Basa) foram presos. E as operações Nambi, Seara, Curuça, Nambi II, Tucunaré e Castanhal que destruíram mais de 300 mil pés da erva de maconha, plantadas no município.
O Delegado Mário Melo destacou que o objetivo da polícia em atendimento a sociedade mauesense tem se concretizado e vai continuar com o mesmo empenho, dedicação e comprometimento em busca de resultados ainda melhores.

(Por:Ascom)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.