Mutirão de saúde no interior do Estado, com realização de 1,4 mil cirurgias

Amazonianarede – Agecom

Manaus – O Governo do Amazonas inicia na sexta-feira (25), pelo município de Iranduba (a 25 quilômetros da capital), o calendário dos mutirões de cirurgia geral e consultas especializadas, que serão realizados no interior do Estado, no decorrer de todo este ano, como parte do programa “Saúde Amazonas Itinerante”.

De acordo com o secretário estadual de Saúde, Wilson Alecrim, os mutirões serão levados a todas as regiões do Estado, conforme determinação do governador Omar Aziz e deverão assegurar a realização de 1,4 mil cirurgias, nas mais diversas especialidades. “Até o final de março a ação alcançará as cidades de Jutaí, Carauari, Manicoré e Rio Preto da Eva”, destacou Alecrim. Em média, cada mutirão realiza 40 procedimentos cirúrgicos.

O programa, que tem a parceria do Ministério da Saúde, já permitiu a realização de, aproximadamente, 6,4 mil cirurgias eletivas (aquelas que podem ser programadas com antecedência) de baixa e média complexidades. Os procedimentos incluem cirurgias de hérnia (herniorrafia); fimose (postectomia); retirada da vesícula biliar (colecistectomia); ginecológicas, como perineoplastia e histerectomia, entre outros.

Em Iranduba, a equipe enviada pela Secretaria de Estado da Saúde (Susam) atuará por três dias (sexta, dia 25, sábado, 26, e domingo, 27) no Hospital Hilda Freire. Formada por dois cirurgiões-gerais, um cirurgião em ginecologia-obstetrícia, anestesista, instrumentador e enfermeiro, a equipe atenderá pacientes que já passaram previamente por triagem (consulta com clínico geral) e realizaram todos os exames pré-operatórios.

Além das cirurgias, os mutirões organizados pela Susam também prevêm, em alguns municípios, a oferta de consultas médicas em várias especialidades (como neurologia, cardiologia, urologia, entre outros), que normalmente não estão disponíveis nas unidades de saúde do interior do Estado.

Oftalmologia

Na semana passada, também como parte do “Saúde Itinerante”, o Governo do Estado já havia iniciado a programação dos mutirões de atendimento oftalmológico no interior. Essa ação acontece em duas frentes: a realização de cirurgias de catarata e a oferta de consultas com o oftalmologista e a confecção de óculos, nos casos prescritos pelo médico.

Os mutirões de cirurgia de catarata tiveram início pelo município de Boca do Acre. No período de 23 a 26 deste mês, a ação acontece em Lábrea. De 4 a 8 de fevereiro, será a vez de Manicoré e, de 18 a 22 do mesmo mês, o projeto será levado a Itacoatiara.

As consultas oftalmológicas começaram na última quinta-feira (17), pelo município de Pauini, onde acontecem até este sábado (19). De 19 a 26, acontecem em Lábrea e de 28 de janeiro a 1º de fevereiro, em Tefé.

De acordo com o secretário Wilson Alecrim, a meta do Governo do Estado para este ano é realizar 8 mil cirurgias de catarata por meio do “Saúde Itinerante”, metade delas nos municípios do interior. Desta forma, o Governo estará ampliando o alcance do programa que, no ano passado, fechou com 5 mil cirurgias oftalmológicas realizadas. No caso das consultas nesta especialidade, os mutirões foram programados para atingir a meta de 32 mil atendimentos. 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.