Morre o cantor popular Roberto Makassa

Roberto Makassa
Roberto Makassa
Amazonianarede – Sérgio Costa

Manaus – As primeiras informações sobre a morte do cantor chegaram via Facebook, do também músico, Rinaldo Buzaglo.

Makassa lutava contra um câncer de próstata há dois anos e estava internado na Fundação Centro de Controle de Oncologia (FCecon), no bairro Planalto, zona Centro-Oeste de Manaus.

O corpo está sendo velado em uma funerária localizada na rua Castelo Branco, no bairro Cachoeirinha, zona Sul. O enterro será realizado nesta terça-feira (5), às 10h, no cemitério Parque Tarumã, zona Oeste.

De acordo com a filha do cantor Janaína Maria Onório, de 32 anos, ele não falava sobre a doença. “Meu pai era muito fechado, não costumava falar da doença. Só descobrimos quando já estava em estado avançado”, disse ela.

Cantor popular iniciou sua trajetória profissional na região do nordeste na cidade de Garanhuns-PE aos dez anos de idade cantando em vários conjuntos e bandas musicais. Migrou ao Sul do país por volta de 1982 para a cidade de São Paulo, aonde participou de vários programas em emissoras de televisão:

· Silvio Santos – SBT

· Raul Gil – SBT

· Barros de Alencar – RECORD

· Clube do Bolinha – TV Bandeirante, canal 13. Seu grande divulgador, patrocinador e amigo, responsável pela brilhante desenvoltura artística em nível nacional e internacional na década de 80.

Em 1983 ainda no tempo do disco vinil lança seu primeiro disco “Compacto Simples” com as músicas de sua própria autoria: Linda é você e Olhar de criança. Este trabalho foi gravado em São Paulo e por muito tempo abrilhantou em todas as paradas de sucesso, apresentado seus shows viajando em turnê por várias regiões brasileira e também por vários países da América Latina tais como: Argentina, Paraguai, Venezuela, Colômbia, Peru, Suriname, Georgetown, Guinas Inglesa e Francesa.

No ano de 1984, participou de uma eliminatória de calouros no programa de televisão – Clube do Bolinha, com o título “Olimpíadas de Calouros”, com duração de 3 (três) anos de participação efetiva e disputada entre 11 (onze) calouros, na fase eliminatório teve como grande êxito o sucesso de campeão desse evento. Daí abriu-se a porta para o sucesso de ROBETO MAKASSA representante popular do norte e nordeste pela sua brilhante desenvoltura, participando por todo o país da caravana do Bolinha.

Em 1985 também em vinil lança seu segundo disco com o título “Um show tropical I,” tendo como tema: “Estela Hits”, gravado em Belém-PA pela Gravadora e Editora UNACAM Discos nos estúdios da Gravasom do famoso cantor de Lambadas Carlos Santos, tendo como idealizador do trabalho o produtor Antonio Ramos.

O lançamento deste disco se fez passagem de sucesso em toda Europa e Japão tendo sempre como destaque a música Estela, até hoje melodiosamente cantada por vários artistas nacionais e internacionais. Nesse período à melodia foi lançamento em ritmo de lambada aproveitando o sucesso do grupo Kaoma e do cantor Beto Barbosa.

Em 1987 lança ainda em vinil seu terceiro disco com o título “Um show tropical II” com o tema: Eu voltei, em ritmo de lambada, gravado em Belém-PA na Gravadora e Estúdios Gravasom de Carlos Santos, produzido por Manoel Cordeiro da Banda Warilou, sucesso idêntico à melodia de Estela.

No decorrer de 1989 em excursão na Caravana do Bolinha firma contrato por 5 (cinco) anos com a empresa no ramo de bebidas – Cervejaria Antártica, fruto desse trabalho lança seu primeiro CD – Título: Roberto Makassa com o tema; “Linda é Você”, gravado em Manaus/AM, produção independente, estilo musical, pop e brega tocado no norte, nordeste e sul.

Em 1990 fixa residência em Manaus-AM, aonde encontra-se até a presente data. Como diz o próprio cantor baseando-se no dito popular manaura; “Quem come jaraquí, bebe da água do rio negro e prova da farinha do uarini, não quer mais sair daqui”.

No período de 1991 lança o 2◦ CD Título: Roberto Makassa, com o tema: “Um Show Tropical”, gravado em Manaus/AM, produção independente. Com este trabalho, divulga-se as vozes da floresta, com parceria do Estado do Amazonas, através do Programa “Estrelas do Amazonas”, insere-se no contexto este CD belo brilhante sucesso, aonde vai ecoar essa voz contagiante versátil ao povo baré, marcando sua identidade única e exclusiva de alta expressão cultural e popular no Estado do Amazonas.

Após esse período vai em busca de novos horizontes em turnê por toda Europa divulgando seu trabalho “Um show tropical”.

Em 2005 Roberto Makassa faz uma homenagem ao seu grande ídolo e amigo Bolinha, lança o terceiro CD com o título: Tributo ao Bolinha, foi gravado em Manaus/AM, pela Fundação Vila Lobos, sob a direção Dra. Lívia Mendes

Em 2006 lança seu primeiro DVD gravado em Manaus-AM no Fast Club, produção independente, tendo como patrocínio Grupo LOBO, com o título: Um show tropical.

Em 2008 lança dois CD’s ao vivo, gravado em Manaus-AM, sendo o primeiro no “Bar do Leite” com incentivo musical do radialista Raimundo Costa. E o outro desmembrado um duas partes; Um no Clube da PETROBRÁS e outro no balneário “Vovó Maroca”, zona norte de Manaus, apoio Sabbá Produções e suas madrinhas Madalena Soares e Neyla Augusto, grandes entusiastas e amigas de trabalho.

Reveja um dos maiores sucessos de Roberto Makassa:

Estela

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.