Judoca amazonense Rita de Cássia Reis brilha com bronze no circuito mundial na Alemanha

O esporte amazonense segue colecionando glórias no cenário internacional. Desta vez foi Rita de Cássia Reis, de 18 anos, que conquistou a medalha de bronze no Circuito Mundial de Judô, disputado na cidade de Bad Blankemburg (Alemanha) no último sábado, 22 de março.

A judoca faz parte do time de jovens atletas apoiados pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (SEJEL).

Atleta do Cagin Clube e treinada pelo mestre Dejanir Nunes, Ritinha fez quatro combates e enfrentou adversárias da Alemanha, Canadá e Holanda. “Foi uma grande experiência e espero continuar crescendo na minha carreira. Só tenho a agradecer ao Governo do Estado, que através da secretária Alessandra Campêlo e do secretário Anderson Souza tem ajudado os atletas do alto rendimento e de todas as modalidades”, disse a judoca, que também recebe apoio da Prefeitura de Manaus.

SHOW DO BRASIL

As equipes femininas Sub-21 e Sub-18 que estão participando do Circuito Mundial na Alemanha brilharam no Torneio de Thuringia disputado neste sábado, 22 de março, e faturaram 13 medalhas para o Brasil. No torneio juvenil foram três medalhas de ouro: para Amanda Lima (40kg/PE), Gabriela Clemente (48kg/SP) e Ellen Furtado (+70kg/SP). Já no Sub-21, ouro para Tawany Silva (48kg/SP), Jéssica Pereira (52kg/RJ) e Sibilla Faccholli (+78kg/SP); prata para Larissa Farias (44kg/MS), Tamires Crude (57kg/RJ) e Pamella Sousa (78kg/SP); e bronzes para Rita de Cássia Reis (44kg/AM), Nathália Mercadante (48kg/SP), Camila Barreto (57kg/RS) e Camila Nogueira (+78kg/MS).

O evento contou com a participação de 404 judocas – 260 no Sub-18 e 144 no Sub-21 – de 10 países (Alemanha, Holanda, Áustria, Bélgica, França, Suíça, Canadá, Polônia, República Tcheca e Brasil). Na contagem geral de medalhas, a Alemanha ficou em primeiro lugar com nove ouros, seguida pelo Brasil com seis e, em seguida, a Holanda com um ouro.

Em 2013, neste mesmo torneio, as judocas brasileiras haviam conseguido 10 medalhas, sendo três de ouro, três de prata e quatro de bronze. Em 2014, foram três medalhas a mais, as três de ouro. Agora, as 40 atletas que competiram no torneio exclusivamente feminino participam do treinamento de campo. O retorno para o Brasil está marcado para o dia 27 de março.

Fonte: Sejel

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.