INCRA ouve demandas no PA Iporá e anuncia mutirão

Ads demandas, com focos, na infraestrutura, foram todas anotadas por Santos

INCRA ouve demandas no PA Iporá e anuncia mutirão

Ronaldo Santos, conversa com os assentados do Iporá
Ronaldo Santos, conversa com os assentados do Iporá

Amazonas  – A exemplo o que já vem sendo realizado no PA Tarumã Mirim, em Manaus, a Superintendência Regional do INCRA, deverá iniciar dentro de pouco tempo,  um mutirão no PA Iporá, em terras nos municípios do Rio Preto da Eva e Itacoatiara, num dos grandes assentamentos do Estado.

No sábado passado, o INCRA, representado pelo chefe gabinete, engenheiro- agrônomo  Ronaldo Santos, representando o superintendente Sandro Maia, que estava a serviço em Nova Olinda do Norte, participou de uma concorrida reunião, na Vila 06 de Janeiro, atendendo a convite formulado pelas lideranças do assentamento, com o objetivo  de apresentarem as demandas do assentamento à nova a nova direção do INCRA no Amazonas.

Da reunião, com mais de duas horas de duração, e  a participação de presidentes ou representantes de 17 presidentes de associações situadas nos ramais e ainda, à participação de representantes do PDS Rainha, situado próximo ao Iporá, na AM 010, com 242 assentados.

A reunião foi muito concorridda
A reunião foi muito concorrida

Na reunião comandada pelo líder assentado Antonio Bento Ferreira, as lideranças presentes à concorrida reunião, mostraram ao representante do  INCRA as principais demandas do assentamento, focadas basicamente na infraestrutura, com os ramais intransitáveis, dificultando a locomoção de estudantes e impedindo o transporte da produção, mais segurança e a regularização de famílias.

Apesar das reclamações apresentadas, a reunião transcorreu em clima tranquilo e todos esperam que algumas soluções sejam encontradas, para dar um novo fôlego aos assentados e melhorar as condições de vida no assentamento Iporá.

Ramais

Por tudo o que foi apresentado na reunião, a maior preocupação no Ipora está relacionada aos ramais, que está transformando a vida no assentamento num verdadeiro inferno, causando sérios problemas para a produção e especialmente para os estudantes, que com os ramais intransitáveis o transporte escolar não atinge todos os postos para transportar estudantes, pessoas doentes e a produção.

Ads demandas, com focos, na infraestrutura, foram todas anotadas por Santos
As demandas, com focos, na infraestrutura, foram todas anotadas por Santos

Com relação ao PDS Rainha, a grande reivindicação é a transformação do PDS em um PA tradicional, considerando que assentados afirmam que o Projeto não se encaixa na condição de PDS, por isso, defendem essa transformação.

O INCRA garantiu  que vai tratar o assunto com carinho e estudar as possibilidades, sempre de acordo com as determinações legais.

No final, ficou acertada que um novo encontro será agendado no assentamento com a presença do superintendente Sandro Maia, que logo assumiu a superintendência do INCRA, visitou o assentamento.

Amazonianarede

.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.