Filho de “Zé Roberto da Compensa” é preso na Zona Oeste

(Foto: Zé Roberto da Compensa)

A Polícia Civil do Amazonas, por meio do 5º Distrito Integrado de Polícia (DIP), registrou na noite de domingo (13) as prisões em flagrante de Luciano da Silva Barbosa, 24, e Matheus Pereira da Silva, 19, por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e porte ilegal de arma de fogo de uso permitido (Artigos 12 e 14, respectivamente, da Lei nº 10.826/03), e Rodrigo de Abreu de Moraes, 29, em cumprimento de mandado de prisão preventiva.

Policiais militares da Força Tática receberam uma denúncia anônima informando que em um bar localizado na rua Ribeiro Couto, antiga rua Natal, bairro Compensa 2, Zona Oeste da capital, alguns homens estariam usando drogas e armados.

Ao chegarem no local indicado os policiais encontraram com Luciano e Matheus uma pistola PT 45 com cinco projéteis intactos, um revólver calibre 38 com seis munições intactas, além de três celulares e R$ 450 em espécie. Após a abordagem policial sete homens foram levados para a unidade policial. Quatro deles foram liberados em seguida por falta de evidências de envolvimento com os infratores.

Durante coletiva de imprensa realizada na tarde de hoje (14), a Delegada Titular da 4ª Seccional Oeste, Suely Costa, comentou detalhes da prisão do trio. “Os homens foram presos por policiais militares após uma denúncia. Com Luciano, que é filho do traficante conhecido como “Zé Roberto da Compensa”, foi apreendida a pistola. O revólver estava com Matheus e Rodrigo foi preso após ser constado na delegacia que havia um mandado de prisão preventiva em nome dele”, disse.

O mandado em nome de Rodrigo, por envolvimento em roubo, foi representado junto à Justiça pelo Delegado Titular da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD), Orlando Amaral, e expedido pela juíza Careen Aguiar Fernandes da 7ª Vara Criminal do Júri no dia 26 de abril deste ano.

Ao término dos procedimentos realizados na unidade policial, Luciano e Rodrigo foram encaminhados para a Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde irão aguardar julgamento. Matheus foi liberado após pagar fiança arbitrada no valor de R$ 4.090.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.