Ex-jogadores profissionais mostram força na Copa dos Bairros

A Copa dos Bairros de Futebol chega aos jogos de volta das oitavas de final neste sábado, 3, a partir das 14h, em vários campos da Cidade.

No final de semana passada, Adrianópolis, Gilberto Mestrinho, Cidade Nova I, Parque dos Buritis e Lírio do Vale saíram na frente e agora terão a chance de se reafirmar. Mas, o que está por trás do bom desempenho destas equipes? Em comum, todas colecionam ex-jogadores profissionais, que são referências para os elencos e conseguem fazer a diferença dentro do campo.

“É incontestável que a participação dos ex-profissionais torna a Copa muito mais acirrada. Com a experiência deles, os jogos ficam mais disputados, com jogadas mais bonitas e técnicas e todo mundo sai ganhando. Afinal, com a forte atuação, os veteranos conseguem contribuir para a formação dos jogadores mais novos”, considerou o coordenador da Copa, Thiago Durante.

O time que mais coleciona especialistas é o atual campeão da Copa, o Adrianópolis. São oito no total: O goleiro Weber, ex-São Raimundo; o zagueiro Vitinho, ex-Princesa do Solimões; o meia Guigui, ex-São Raimundo; o lateral esquerdo Ailton, ex- Princesa do Solimões; o zagueiro Régis, ex- Princesa do Solimões; o centroavante Ézio, ex- Princesa do Solimões; o volante Mauricio, ex-Nacional e o volante Viola, ex-São Raimundo. E esta lista ainda é contemplada pelo famoso professor Carlos Prata, que já comandou quase todos os times do Amazonas, como o Nacional, Rio Negro, Fast Clube, Holanda, Princesa do Solimões, Cliper, dentre outros.

“A experiência dos nossos jogadores ajuda bastante, pois treinamos com regras e situações profissionais. Desse modo, temos uma vantagem, pois de certa forma os jogadores já sabem como agir em algumas situações. Porém, os times que restaram na competição são muito bons e ainda temos muito trabalho a fazer”, comentou Prata.

Artilheiro

Prova maior da força do ex-profissionais na Copa dos Bairros de Futebol é o atacante Nixon, que defende a Cidade Nova I. O ex-Princesa do Solimões se consagra até o momento como artilheiro da competição, com 12 gols marcados.

Com apenas 29 anos, e jogando profissionalmente desde 2009, Nixon tem uma vasta experiência em campeonatos amadores e já passou por grandes times como o Princesa e Penarol.

“A base que o clube nos proporciona é muito boa, e na Copa o grupo é muito unido e tenho grandes parceiros de time. A minha experiência aliada ao profissionalismo dos meus colegas é que me possibilitaram ser o artilheiro da competição até agora. Em 2011, também joguei a Copa dos Bairros e fui artilheiro. Espero levar este título novamente e para isso venho trabalhando e treinando bastante. Além disso, podemos sempre contar com o apoio de professores e preparadores físicos, que estão fazendo um excelente trabalho”, comentou Nixon.

Zé Ribite

O Parque dos Buritis é outro time que investe no ‘passe’ de ex-profissionais. Um dos grandes talentos da equipe, segundo o treinador Sérgio Santiago, é o meia Zé Ribite, que já foi titular do Tufão, do Holanda, do Sena Madureira, entre outros.

“O Zé é fundamental na nossa equipe, é o equilíbrio do time. Tanto dentro como fora de campo. Ele troca e repassa experiências para àqueles jogadores mais novos, que estão iniciando, e isso faz com que a equipe cresça em campo”, comentou Santiago., avisando que o elenco está preparado para enfrentar o São José II, sábado, às 16h, no Campo do Lindam.

(Foto: Antonio Lima/Semdej)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.