“Carreta dos Animais” já at4ndeu mais de 3, 4 mil em 4 meses

Projeto Carreta dos animais, já atendeu mais de 3 mil em 4 meses
Projeto Carreta dos animais, já atendeu mais de 3 mil em 4 meses

Manaus, AM – Há quatro meses em funcionamento, as Unidades Móveis do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), as chamadas ‘Carretas dos Animais’, já atenderam 3.422 animais, segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

A iniciativa da prefeitura foi criada a partir da Indicação 1.313/2013, de autoria do vereador Everaldo Farias (PV), protocolada há dois anos e aprovada no plenário da Câmara Municipal de Manaus (CMM), no ano passado.

A carreta oferece serviços de implantação de microchips de identificação dos animais, vacinação antirrábica e castração aos pets das famílias residentes nos bairros Jorge Teixeira 1, Zona Leste, e Cidade Nova, situado na zona Norte de Manaus.

Everaldo é presidente da Comissão de Vigilância Permanente da Amazônia na CMM e apontou os números como surpreendentes, já que, em quatro meses, os atendimentos representam mais da metade de intervenções realizadas durante todo o ano de 2014.

“Nosso objetivo era ampliar em 50% o número de castrações realizadas, passando de 30 para 45 procedimentos diários. Felizmente, conseguimos esse feito e levamos saúde e tranquilidade às famílias que cuidam desses animais. Esse é um mecanismo que reflete na saúde pública, isso é o mais importante”, apontou o parlamentar.

Através da Indicação do vereador Everaldo Farias, as Unidades Móveis são equipadas com diversidade de instrumentos para uso veterinário, como instrumentos cirúrgicos, máquina de tosa, balança, computador e impressora. O parlamentar também destacou que as ações em prol da saúde dos animais de Manaus continuam na CMM.

Comércio de animais

Recentemente Everaldo protocolou na Casa o Projeto de Lei nº 211/2015, que regulamenta a comercialização, doação e adoção de cães e gatos por estabelecimentos comerciais no município. A propositura que cria regras para serem cumpridas por canis, gatis e pets shops que comercializam animais domésticos é inédita na capital.

“Precisamos regulamentar a comercialização dos pets, pois é uma atividade comum na cidade. O tema é de extrema relevância porque estamos lidando com seres vivos. Não à toa que diversas organizações não governamentais lutam por melhores tratos a estes animais e Manaus também precisa entrar nessa luta”, conclui.

O projeto de lei estabelece regras de conduta para os criadores de animais, os pets shops e as feiras de adoção. Ele estabelece, por exemplo, que a reprodução de cães e gatos destinados ao comércio só poderá ser realizada por canis e gatis regularmente registrados nos órgãos competentes conforme determinações do projeto. Os estabelecimentos deverão ainda inscreverem-se no Cadastro Municipal de Comércio de Animais (CMCA), o qual deve ser criado no prazo de 180 dias a partir da sanção da lei.

Amazonianareede-CMM

 

 

 

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.