Artes marciais e lutadores campeões são alguns dos segredos do Grupo FERA

Amazonianarede – Assessoria

Manaus – Proatividade, disciplina, foco e resultado são essenciais para os policiais civis do Grupo Força Especial de Repressão e Assalto (FERA) realizarem o trabalho pesado que a profissão exige. Para suportar a pressão a equipe recorre a intensos treinamentos operacionais e de defesa pessoal, que já resultaram em uma equipe de Jiu-Jitsu do grupo e no projeto Feras do Jiu-Jitsu – que ensina os segredos da arte marcial para jovens de baixa renda e resultou em premiações nacionais e internacionais.

Visando elevar ainda mais o nível dos atletas, o campeão mundial Fredson Alves, 36, orientou um treinamento aos policiais com técnicas de posicionamento, respiração e deslocamento de peso. Segundo Alves, que ministra aulas em San Diego, no estado da Califórnia (EUA), o interesse é resgatar a essência do esporte. “Com a ascensão das competições, o verdadeiro espírito vem sendo esquecido, que é o condicionamento do corpo, equilíbrio e a disciplina em suas atividades cotidianas”, explica.

O Grupo FERA promove treinamentos diários entre seus integrantes e já tem entre seus integrantes dez policiais graduados e em nível de competição.

Sobre Fredson Alves

Instrutor convidado para ministrar a aula desta sexta-feira (1), Fredson Alves tem 36 anos e há 22 pratica Jiu-Jitsu. Em 1997 recebeu a faixa preta de Royller Gracie e nos últimos 15 anos ensina o estilo amazonense da luta em San Diego, cidade americana localizada no estado da Califórnia (EUA). Alves se dedica também à instrução de jovens e pessoas na terceira idade. Ele veio a Manaus para ensinar técnicas de Jiu-Jitsu aos policiais do Grupo FERA.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.