Agricultores indígenas recebem equipamentos no rio Madeira

(Foto: Divulgação – Seind)

No próximo dia 31 (sábado) de agosto, em Manicoré (a 333 km de Manaus), várias comunidades indígenas e não-indígenas receberão máquinas e equipamentos que servirão de subsídios no processo de organização das feiras de agricultura familiar na calha do rio Madeira.

O material será entregue pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado para os Povos Indígenas (Seind), em cumprimento a uma das etapas do programa Território da Cidadania, do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA).
Mais de 4 mil agricultores familiares serão beneficiados com a ação, que faz parte do plano de trabalho do Comitê Gestor de Atuação Integrada entre o Governo do Amazonas e a Fundação Nacional do Índio (Funai), por meio da câmara técnica Sustentabilidade Econômica dos Povos Indígenas.

O benefício abrange 4,4 mil agricultores rurais, de forma direta, e 21,4 mil, indiretamente.

Entre os equipamentos que serão entregues estão 30 motores do tipo rabetão, 30 canoas e dois botes de alumínio, cobertos e equipados com motor de popa 40 HP, que já foram enviados pela Seind para o Madeira.

Com recursos na ordem de R$ 600 mil, o projeto busca promover o desenvolvimento dos povos indígenas e populações tradicionais naquela região do Estado do Amazonas, além de universalizar programas básicos de cidadania, por meio de uma estratégia de desenvolvimento territorial sustentável.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.