A Chape é homenageada a noite em Ponta Pelada e o prefeito de Chapecó agradece o carinho dos manauaras

A homenagem amazonense a Chape, em Ponta Pela, foi rápida mais, emocionante.

 

A homenagem amazonense a Chape, em Ponta Pela, foi rápida mais, emocionante.
A homenagem amazonense a Chape, em Ponta Pela, foi rápida mais, emocionante. A imprensa foi representada pelo jornalista Eduardo Monteiro de Paula

Manaus, AM – Centenas de pessoas compareceram ontem a noite no Aeroporto Militar de Ponta Pelada, em Manaus, onde os três aviões  da Força Aérea Brasileira, com os corpos da vitima do acidente aéreo na Colômbia, com a Chapecoense, pousaram para reabastecimento pousaram os três aviões que viram da Colômbia com os cor, para seguir viagem a Chapecó,  em Santa Catarina.

No Aeroporto Militar de Ponta Pelada, com o testemunho de centenas de pessoas, solidárias a Chape,  o prefeito to de Chapecó, Luciano Buligon, que acompanhava o translado dos cinquenta corpos de vítimas do voo que levava a delegação da Chapecoense e jornalistas para Medellín, na Colômbia

Os três C-130 Hércules da Força Aérea Brasileira (FAB) pousaram na Base Área da capital amazonense por volta das 23h20 (horário de Brasília).

Em POnga Pelada, o prefeito Luciano Buligon  em rápidas palavras, disse: “Quero agradecer esses momentos que vocês têm proporcionado. A Chapecoense não vai cair, a Chapecoense vai se manter – disse o prefeito, sob aplauso do público.

Luciano, também, confirmou as homenagens agendadas para este sábado, em Chapecó. Ainda segundo ele, apenas 16 corpos ficarão na cidade catarinense.

Amazonianrede

 

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.