Saúde no Amazonas avança com dois novos núcleos da Rede Universitária de Telemedicina

(Foto: Divulgação)

Foram inaugurados nesta quarta-feira (30 de outubro), quatro novos núcleos da Rede Universitária de Telemedicina (Rute), sendo dois deles no Amazonas: na Fundação Hospital Adriano Jorge (FHAJ) e na Fundação Alfredo da Matta (Fuam), órgãos do Governo do Estado, vinculados à Secretaria Estadual de Saúde (Susam).

A cerimônia de inauguração conjunta, ocorrida no auditório da FHAJ, contou com a presença do coordenador nacional da Rute, Luiz Ary Messina, com transmissão simultânea, por videoconferência, para núcleos existes em outros Estados.

Além das duas unidades do Governo do Amazonas, em Manaus, foram inaugurados os núcleos da Rute no Hospital Municipal Odilon Behrens, em Belo Horizonte (MG), e no Hospital Federal dos Servidores do Estado (HFSE), no Rio de Janeiro (RJ).

Estiveram presentes membros Rute da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), da Coordenação Geral de Sangue e Hemoderivados (CGSH/MS), do Hospital Universitário de Londrina (HU-UEL/PR), entre outros, assim como a Coordenadora do Programa Telessaúde Brasil Redes, Tâmara Guedes, representando a Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES) do Ministério da Saúde.

“A interação entre as instituições, hospitais e grupos de interesse permite que especialistas discutam novas metodologias de diagnóstico, tratamento e repassem a outros profissionais de saúde. Por estarmos na linha de frente nessa atuação no mundo, temos recebido o reconhecimento mundial da Organização Pan-Americana de Saúde (OPS) e da Organização Mundial da Saúde (OMS)”, afirmou o coordenador da Rute, Luiz Messina.

“Com apoio dos Governos Federal, Estadual e financiadoras, estaremos trabalhando em uma conjuntura ímpar, que trará benefícios, em especial ao Amazonas, que por conta da diferença geográfica tem dificuldades de deslocamento tanto de profissionais quanto de pacientes de nosso vasto interior. Vamos interagir e globalizar o conhecimento. É uma ferramenta única para ajudar pacientes com nossa expertise, debatendo com serviços já estabelecidos”, destacou o diretor-presidente da FHAJ, Raymison Monteiro de Souza.

Telessaúde – A Rute é um projeto coordenado pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) e integra o Programa de Telessaúde Brasil Redes. Com as inaugurações, a Rute passará a ter 82 núcleos em plena operação, localizados em hospitais universitários e de ensino de todo o Brasil.

Atualmente, possui 56 Grupos de Interesse Especial em várias especialidades e subespecialidades da saúde, em plena operação, com 600 sessões por ano de vídeo e web conferências. Isso representa uma média diária de duas a três sessões científicas, com a participação de 300 instituições, inclusive algumas da América Latina.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.