Prefeito Xinaik vai entrar na Justiça para conter invasões no Iranduba

Xinaik Medeiros terá 30 dias para devolver o dinheiro

O prefeito de Iranduba, Xinaik Medeiros, município que integra a Região Metropolitana de Manaus, reuniu ontem com o seu gabinete para dar um basta na onda de invasões que vem ocorrendo e definiu algumas medidas emergenciais para conter o problema, que aumentou muito após a inauguração da ponte Rio Negro.

O foco principal da reunião foi a ocupação liderada por indígenas no km 4 da Rodovia AM-070 (Estrada Manoel Urbano), onde cada dia chega mais gente oriunda de Manaus, Cacau-Pirera e outras regiões.

Segundo o procurador geral do município, Lincoln Tavares, a Prefeitura vai ingressar na justiça federal, com auxílio do Ministério Público Federal, com uma ação civil pública contra os invasores, com o objetivo de defender o meio ambiente e evitar a ocupação desordenada do solo.

Informações também dão conta de que uma segunda invasão estaria ocorrendo na entrada do ramal do Areal, no km 4 da Rodovia Municipal Carlos Braga.

Participaram da reunião no gabinete do prefeito a vice-prefeita, Madalena de Jesus (“Madá”); o vereador Ernandes Rocha, o chefe da Casa Civil, Franklin Jânio Campos; a secretária executiva de habitação, Sâmea Rocha; a secretária de assistência social, Ana Paula Tanaka; o secretário de segurança e defesa social, Sargento Alandelon; o secretário de meio ambiente, Israel de Araújo; o procurador geral do município, Lincoln Tavares, entre outros assessores.

(Amazonianarede – J.Ray)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.