Policlínica Codajás entrega 80 próteses oculares a partir desta quarta (10)

A Policlínica Codajás, órgão da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), inicia nesta quarta-feira (10), data em que se comemora o Dia Mundial da Saúde Ocular, o processo de concessão definitiva de 80 próteses oculares a pacientes inscritos no Programa de Atenção Integral a Deficientes (Paid).

Os usuários serão divididos em dois grupos para recebimento do equipamento, mais conhecido como “olho de vidro”, amanhã e na quinta-feira (11). A entrega ocorrerá na unidade de saúde, das 8h às 12h.

Além de receberem os equipamentos, os pacientes devem participar de atividade educativa alusiva à data. A estratégia usada pela Policlínica Codajás tem como objetivo alertar a população sobre a importância do acompanhamento oftalmológico. “O atendimento aos pacientes que receberão as próteses não encerra com a entrega dos produtos. É importante que os usuários do Paid continuem o acompanhamento com os especialistas e façam avaliação periódica, para minimizar riscos à saúde”, disse o diretor da unidade ambulatorial, Fábio Shimizu.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) há, em todo o mundo, 285 milhões de pessoas com deficiências visuais, sendo 39 milhões cegas. Os especialistas admitem que até 80 por cento destes casos poderiam ser evitados. Ainda segundo a OMS, erros de refração não corrigidos e as cataratas são as principais causas das deficiências visuais, representando 42% e 33% dos casos respectivamente.

No caso de usuários que sofreram privação do aparelho ocular, a enfermeira responsável pelo Paid, Josenira Almeira, ressalta que o problema pode incidir também sobre fatores psicológicos do paciente fazendo com que apresente dificuldades em estabelecer vínculos afetivos e organizar a vida frente às novas circunstâncias. “O serviço prestado pela Policlínica é oportuno para a superação dessas limitações e recuperação da autoestima do usuário do Paid”, afirmou.

Prótese ocular – Esses equipamentos são utilizados para manter a cavidade orbitária, tonos dos músculos das pálpebras, manter a fisiologia das vias excretoras de lágrimas e principalmente a estética. A prótese ocular é indicada para pacientes que tiveram o globo ocular removido ou lesado em consequência de acidentes ou enfermidades.

Todos os pacientes que receberão o componente ocular tiveram atendimento com os óptico-protesistas responsáveis pelo procedimento de moldagem da prótese, realizado em meados de junho. Cada equipamento tem um custo médio de R$ 1,1 mil e será concedido gratuitamente pelo Governo do Amazonas.

(Ascom) 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.