Policiais civis aprovam indicativo de greve na capital e interior

PC aprova indicativo de greve no Estado
PC aprova indicativo de greve no Estado

Amazonas – A informação é do presidente do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Amazonas (SINPOL), Moacir Maia. De acordo com o representante dos policiais civis, durante a paralisação, apenas ocorrências de flagrantes serão atendidas pelos servidores.

A greve dos investigadores, escrivães, peritos e outros profissionais que atuam na Polícia Civil do Amazonas poderá acontecer mesmo após o governo do Estado ter garantido para o mês de abril, o pagamento do escalonamento dos salários da categoria. De acordo com o presidente do SINPOL, a categoria não confia mais nas promessas do Governo.

Em nota, o Governo do Estado reafirmou o compromisso de negociar o pagamento do escalonamento da categoria, que deve ocorrer somente a partir do mês de abril, devido à Lei de Responsabilidade Fiscal.

A decisão da classe será tomada em assembléia marcada para esta quarta-feira (18), às 19 h, na sede do SINPOL, localizada no bairro de Petrópolis, na zona Centro-Sul de Manaus.

Outros detalhes você acompanha ainda hoje, na reportagem de Charles Fernandes, no telejornal “Notícias da Hora”, que começa pontualmente às 18h, na TV Tiradentes.

Presença nas ruas

Apesar do indicativo de greve, a Polícia Civil continua trabalho ostensivamente, nas ruas da capital, em combate à criminalidade.

Na noite dessa terça-feira (17), por volta das 21h, por meio de servidores lotados na Delegacia Interativa (DI), Divisão de Recebimento, Análise e Distribuição de Inquéritos e Termos Circunstanciados de Ocorrência e de Armazenamento de Material Apreendido (Drad), Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), Gabinete do Delegado-Geral e Gerência de Pessoal da Delegacia Geral, sob o comando do titular da DI, delegado Henrique Brasil, deflagraram operação policial com o intuito de reforçar a segurança da população, coibir práticas criminosas e intensificar o trabalho ostensivo nas ruas de Manaus.

A ação contou, ainda, com a participação de integrantes do Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera). Ao longo da operação, as equipes realizaram incursões nas ruas de bairros localizados nas zonas Norte, Sul, Centro-Sul e Oeste da capital. Foram feitas revistas a pedestres e condutores de veículos, bem como a fiscalização de automóveis.

O titular da DI ressaltou que os trabalhos desempenhados na noite de ontem ocorreram dentro da normalidade.
Henrique Brasil enfatizou que as ações desencadeada pela Polícia Civil desde o último dia 6 de janeiro fazem parte das novas medidas de reforços à segurança em Manaus, definidas pelos órgãos que compõem a Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas (SSP-AM).

“Após a fuga de detentos de dois presídios da capital fomos acionados para reforçar as buscas pelos fugitivos. Os trabalhos têm acontecido de forma ininterrupta, por determinação do delegado-geral, Francisco Sobrinho. Estamos nas ruas e não vamos medir esforços para suprir a necessidade do povo amazonense, trabalhando para proporcionar mais segurança à população”, pontuou Brasil.

Buscas por fugitivos

Policiais civis lotados em distintas unidades da capital e setores administrativos da instituição foram convocados, nos últimos dias, pelo delegado-geral, para reforçarem os trabalhos que estão sendo adotados pela SSP-AM no sentido de conter a criminalidade na capital, após a fuga de detentos do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) e Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), no dia 1º deste mês.

A medida, segundo o delegado-geral, Francisco Sobrinho, visa assegurar a segurança da população e retirar os fugitivos de circulação. Desde o último dia 6 de janeiro o trabalho ostensivo em distintas zonas da capital vem sendo realizado de forma ininterrupta por policias civis.

As ações contam, ainda, com a participação de servidores lotados nos demais órgãos que compõem o Sistema de Segurança Pública no Amazonas.

Amazonianarede-RT

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.