Polícia Civil doa pirarucu apreendido para o BP-Am

O pirarucu apreendido foi doado para o BPAM
O pirarucu apreendido foi doado para o BPAM
O pirarucu apreendido foi doado para o BPAM

Manaus – A Polícia Civil do Amazonas, por meio da Delegacia Especializada em Crimes contra o Meio Ambiente e Urbanismo (Dema), registrou nesta segunda-feira, 13, por volta das 10h, a apreensão de 338 kg de mercadoria ilegal, sendo 254 quilos de pirarucu e 84 de carne de paca, ocorrida na Rua Itaqueraima, bairro Novo Aleixo, zona Norte de Manaus.

De acordo com a delegada titular da Dema, Ana Cristina Braga, o pescado e a carne estavam sendo comercializados em uma feira livre no momento em que policiais militares do Batalhão de Policiamento Ambiental do Amazonas (BPAmb-AM) constataram a irregularidade.

O feirante Rauciene de Lima, 28, foi detido e levado à especializada para prestar esclarecimentos. No local foi autuado por matar, perseguir, caçar e apanhar espécies da fauna silvestre e pesca em período proibido, previsto na Lei de Crimes Ambientais, de nº 9.605/98.

Conforme a delegada Ana Cristina Braga, o pirarucu apreendido foi doado à Secretaria de Estado da Justiça (Sejus) e a carne de caça descartada em uma lixeira pública, em função das autoridades competentes não saberem a procedência da mercadoria.

Por se tratar de um crime afiançável, foi estipulada pela autoridade policial fiança no valor de R$1 mil. Após o pagamento o feirante foi liberado e irá responder pelo crime em liberdade.

Amazonianarede-DGP

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.