Pesquisa propõe criar ferramentas para melhorar o ensino de Processamento Digital de Sinais

(Ilustração: Internet)

Estudo desenvolvido com o apoio do Governo do Estado, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), propõe desenvolver pesquisa em tecnologia para melhorar as atividades complementares do ensino da disciplina Processamento Digital de Sinais (PDS) nos cursos de graduação de engenharia.

A ideia de desenvolver o projeto “Pesquisa e Desenvolvimento de Tecnologias Educacionais Aplicadas ao Ensino de Processamento Digital de Sinais” é do professor e coordenador do curso de Engenharia de Computação da Escola Superior de Tecnologia da Universidade do Estado do Amazonas (EST/UEA), Raimundo Correa de Oliveira.

O projeto foi contemplado no Programa Estratégico de Pesquisa e Inovação na Área de Tecnologia da Informação (Proti Amazônia – Apoio de Projeto à Pesquisa). De acordo com Oliveira, o PDS é hoje amplamente aplicado, tanto no processamento de áudio (rádio, microsystem) como no processamento de imagem (câmera fotográfica, entre outros).

Incentivo para desenvolvimento de pesquisas – Para o pesquisador, o emprego de tecnologias educacionais no ensino de Processamento Digital de Sinais tem como objetivo melhorar a parte prática e fazer com que o aluno venha a desenvolver pesquisa com as ferramentas propostas no projeto.

“Nosso objetivo é melhorar as atividades complementares do ensino de processamento digital de sinais, ou seja, desenvolver ferramentas educacionais que possam dar uma prática para os alunos da referida disciplina. A abrangência é para toda universidade do Estado do Amazonas, que conta com cursos de Engenharia na capital e interior do Estado”, disse.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.