Índices de Dilma são superiores aos primeiros mandatos de Lula e FHC

Dilma em alta

Brasília – O índice de confiança na presidente Dilma Rousseff se iguala ao do presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante seu segundo mandato, época de maior aprovação de sua gestão. A comparação é feita entre os terceiros trimestres dos mandatos de Dilma e de Lula. Segundo dados da pesquisa CNI/Ibope, divulgada nesta quarta-feira, 73% dos entrevistados dizem confiar na presidente Dilma Rousseff. Em setembro de 2008 era esse o percentual de confiança em Lula.
Se comparados os primeiros mandatos de Lula e de Fernando Henrique Cardoso, Dilma supera todos os seus antecessores. Enquanto a avaliação do governo Dilma é 62% positiva, a de Lula em setembro de 2004 era de 38% e a de FHC, 38% em agosto de 1996.
Para o quesito “Maneira de governar”, Dilma está com 77% de aprovação, contra 55% do governo Lula em setembro de 2004 e 56% de FHC em agosto de 1996.
Para o comparativo dos indicadores de confiança no presidente, Dilma também supera seus antecessores comparando-se os primeiros mandatos. A pesquisa de hoje aponta 73% de confiança, contra 58% de Lula em setembro de 2004 e 55% de FHC em 55%.
Dilma só perde para segundo mandato de Lula
Os bons índices de aprovação da presidente Dilma Rousseff são inferiores apenas ao números do segundo mandato do seu antecessor, Luiz Inácio Lula da Silva. Nos quesito “Maneira de governar”, Lula alcançou 80% de aprovação, enquanto Dilma registra 77%. Para avaliação do governo, Lula registrou 69% de avaliações de “ótimo” ou “bom”, enquanto Dilma atingiu seu recorde, de 62%.
Os comparativos são sempre feitos com base no terceiro trimestre do segundo ano de cada mandato.
“A aprovação era maior porque era o segundo governo Lula, com economia crescendo, salários crescendo, formalização de emprego aumentando e hoje ela já começou com uma base mais alta de satisfação, mas economia começa a enfrentar uma crise”, ponderou o diretor-executivo de pesquisa da CNI, Renato Fonseca.

(Por:JB)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.