Obama retorna de sua 1ª viagem ao Oriente Médio como presidente

Amazonianarede – EFE

Washington, EUA – O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, retornou neste sábado à Casa Branca após concluir sua primeira viagem no Oriente Médio como governante do país, com a intenção de estimular o processo de paz na região, estagnado desde 2010.

Obama chegou à mansão presidencial às 20h37 locais, cumprimentou os jornalistas, mas não fez declarações públicas, informou a Casa Branca.

Sua viagem de quatro dias por Israel, Palestina e Jordânia, incluiu a esperada visita a Jerusalém e Belém. Obama também foi, hoje mesmo, à cidade monumental de Petra, na Jordânia. Esta foi sua primeira visita a Israel e à Palestina desde a sua chegada à Casa Branca, em janeiro de 2009, e com ela tentou dar um estímulo renovado ao processo de paz.

Entre as conquistas de sua visita está o compromisso de autorizar um pacote de ajuda de US$ 200 milhões à Jordânia para atender aos quase 500 mil refugiados sírios no país. Além disso, conseguiu mediar um acordo entre Israel e Turquia para o restabelecimento das relações bilaterais.

As relações entre Israel e Turquia ficaram estremecidas em 2010, após o ataque da marinha israelense contra a “Flotilha da Liberdade”, que zarpou da Turquia rumo à Faixa de Gaza com ajuda humanitária e com a intenção de furar o bloqueio imposto por Israel e Egito desde 2007. O confronto deixou nove cidadãos turcos mortos.

No entanto, houve poucos avanços para resolver as disputas que alimentam o conflito entre israelenses e palestinos.

Ao visitar Ramala, na Cisjordânia, Obama se reuniu com o presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas, e pediu que os palestinos abandonassem suas exigências de condicionar o diálogo de paz com um congelamento dos assentamentos judaicos na Cisjordânia. Entretanto, Abbas se mantém inflexível com essa condição.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.