Nacional vacila na Arena da Amazônia e perde nos acréscimos para o Remo

A torcida marcou presença, mas o time vacilou e foi derrotado
A torcida marcou presença, mas o time vacilou e foi derrotado
A torcida marcou presença, mas o time vacilou e foi derrotado

Amazonas – Não deu para o Naça. Mesmo com o apoo da torcida, o Nacional vacilou e o remo venceu com o gol já nos acrescimos, e complica a vida do representante amazonense na Serie D do Campeonato Brasieiro, enquanto isso,, o time oaraense dispara na lidernça da chave, com uma farta gordura.

Manaus – Com um gol de Levy aos 48 minutos do segundo tempo, o Remo derrotou o Nacional, por 1 a 0, na noite desta segunda-feira (10), na Arena da Amazônia, pela quinta rodada da Série D do Campeonato Brasileiro.

O resultado complica a equipe amazonense, que segue na terceira posição, do Grupo A1, com quatro pontos, enquanto o clube paraense dispara na liderança, com 10 pontos, e fica mais próximo da classificação para a segunda fase do torneio.

Com o Nacional perdido em campo, o Remo dominou o primeiro tempo e criou as melhores chances de abrir o placar.  Logo aos quatro minutos, Léo Paraíba recebeu a bola na ponta esquerda e chutou na rede pelo lado de fora, desperdiçando a chance de fazer 1 a 0 para o time paraense.

Naça vacila e perde para o Remo, nos acrescimos
Naça vacila e perde para o Remo, nos acrescimos

Na melhor oportunidade do primeiro tempo, aos 31, Eduardo Ramos fez jogada individual, passou por Lusmar e chutou cruzado. A bola passou à direita do goleiro nacionalino Rodrigo Ramos.

O Nacional teve apenas uma chance clara de gol: aos nove minutos, o lateral Peter passou por dois adversários e chutou com força para o gol, obrigando Fernando Henrique a mandar a bola para a linha de fundo.

O segundo tempo começou eletrizante. Em menos de dois minutos, as duas equipes tiveram chances de abrir o placar na Arena da Amazônia. Com 30 segundos, Aleilson recebeu a bola na área e chutou cruzado, mas o goleiro nacionalino Rodrigo Ramos fez a defesa. No minuto seguinte, foi a vez do Naça chegar perto do gol. Lídio avançou pela direita, cruzou a bola para a área, mas nenhum jogador da equipe amazonense conseguiu colocar a bola para dentro do gol.

O lance apenas deu a impressão de que o Nacional voltaria mais ofensivo para o segundo tempo, mas, assim como na primeira etapa, o Remo logo dominou as principais ações ofensivas. Aos 17 minutos, Aleilson chutou de fora da área e deu um susto no goleiro Rodrigo Ramos.

A torcida apoiou o time, mas não adiantou
A torcida apoiou o time, mas não adiantou

Aos 21, mais Remo no ataque. Eduardo Ramos roubou a bola no meio de campo, avançou e chutou da entrada da área. Rodrigo Ramos fez incrível defesa. Na sequência do lance, Eduardo Ramos chutou cruzado, mas a defesa tirou a bola antes de Felipe Macena mandar para o gol.

O Nacional respirou aos 29 minutos e, finalmente, voltou a dar trabalho ao goleiro Fernando Henrique. Andrés Luís chutou rasteiro, de fora da área, obrigando o arqueiro da equipe paraense a se esticar para fazer a defesa. Aos 35, mais um bom ataque nacionalino. Em cobrança de escanteio, Maurício Leal desviou com a cabeça e a bola passou rente à trave. Mas, logo o Remo voltou a dominar a partida e mais uma vez chegou perto do gol, desta vez, aos 42 minutos: Levy cruzou a bola pela direita para Aleilson, que se se antecipou à zaga, mas errou na finalização, mandando a bola para fora.

A insistência da equipe paraense foi premiada aos 48 minutos. Em um contra-ataque após cobrança de escanteio para o time amazonense, Eduardo Ramos foi até a entrada da área do Naça, driblou dois zagueiros e rolou a bola para Levy chutar cruzado, sem chances de defesa para Rodrigo Ramos. Festa paraense na Arena da Amazônia.

O Nacional volta a campo no dia 22 para enfrentar o próprio Remo, em Paragominas-PA. A equipe paraense, porém, fará uma partida antes, na próxima segunda-feira (17), contra o Náutico-RR, em Boa Vista.

Amazonianarede

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.