Mutirão de obras da zona Leste devolve qualidade de vida para a população

Moradores, aplaudem o mutirão

 

Moradores, aplaudem o mutirão
Moradores, aplaudem o mutirão

Manaus, AM – O mutirão de obras que acontece na zona Leste de Manaus segue em ritmo acelerado, das 75 ruas que serão contempladas nesta primeira etapa do projeto, 55 ruas já foram beneficiadas. Os trabalhos executados vão desde a drenagem profunda, com a implantação de tubulações e galerias, construção de caixas de passagem com tampas, à obras de drenagem superficial, com a colocação de meio fio e sarjetas e ainda serviços de terraplanagem com recapeamento asfáltico.

Cerca de 90 homens, que fazem parte das equipes de obras da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), estão empenhados desde o início do mês de maio, nos mutirões de obras que tem como principal objetivo, oferecer melhor qualidade de vida para as comunidades que vivem no local.

Os trabalhos iniciaram nos bairros Tancredo Neves, Jorge Teixeira e Coroado, seguem em paralelo à outras frentes de obras, nos bairros Bela Vista, Nova Conquista, Nova Floresta, Grande Vitória e Colônia.

Terraplanagem

No bairro Novo Aleixo, comunidade Parque das Garças, na Rua Presidente Rainiere, está sendo realizado um serviço de terraplanagem que há 15 anos era solicitado pelos moradores. O serviço que iniciou com a compactação do solo, há sete dias, tem previsão de ser entregue para a comunidade em, no máximo, 30 dias, com a rua completamente asfaltada e com o serviço de drenagem superficial concluído, com a colocação de meio fio e sarjeta.

Noé Melo é morador da comunidade desde 2002 e lembra que para poder andar na rua, os próprios moradores precisavam improvisar várias formas de aterro. “Não conseguíamos entrar com o carro em casa, era horrível, e a situação ficava ainda pior quando chovia, pois além da lama, os carros que se atreviam a passar por aqui, derrapavam e atolavam. A gente precisava fazer massa de cimento para jogar em algumas partes. Eu nem estou acreditando que o asfalto agora vai chegar na minha porta, era um pedido de mais de 15 anos de todos os moradores aqui. Estou muito feliz,  é mais qualidade de vida para todos.” afirmou.

Drenagem profunda

No Parque das Garças, entre a Travessa dos Barés e a Travessa Juma, serão implantados 400 metros de drenagem profunda, deste total, cerca de 280 metros já foram colocados, ainda nesta primeira fase do projeto. Cerca de 17 caixas coletoras serão construídas para facilitar o fluxo das águas pluviais, deste total, 8 caixas já estão prontas, e alguns moradores já podem sentir os resultados.

Os trabalhos estão á cargo da Seminf
Os trabalhos estão á cargo da Seminf

A dona de casa, Simoni Campos, mora há 5 anos no local,  ela afirma que sua casa nunca alagou porque quando mandou construir, já mandou fazer bem alta, por conta das alagações frequentes no local, porém ela assistia o desespero dos vizinhos que não tinham a mesma sorte. “Em dias e noites de chuva ninguém dormia esperando a casa alagar, aqui na frente da minha casa, virava uma lagoa. Já vi vizinho perdendo tudo, mas as equipes de obras ainda nem acabaram e a nossa realidade já é outra, e a alagação aqui já acabou” esclareceu a moradora.

Ainda no Parque das Garças, os moradores da Rua LOB5 já comemoram a construção de um Gabião, uma espécie de ponte construída sob uma tubulação de drenagem de igarapé, que interliga agora a comunidade a todos os bairros adjacentes, como Novo Aleixo, Tancredo Neves, Águas Claras, Avenida das Torres e Cidade Nova.

Antes, os moradores trafegavam de um lado para outro da via, apenas por uma tábua de madeira, o que colocava em risco a vida da população e principalmente, daqueles que precisam fazer a travessia pilotando motocicletas. “A falta desse acesso aqui, estava me prejudicando muito, sou comerciante, e não conseguia ter fluxo de clientes na minha venda, agora meu movimento aumentou de forma significativa, essa é a única rua dentro da comunidade que nos interliga a todo esses bairros, por diversas vezes, me arrisquei de moto por aqui, agora já posso até comprar um carro para me ajudar a transportar as minhas compras” concluiu.

Após a execução do serviço de terraplanagem, o trabalho de infraestrutura, segue com a colocação de meio fio e sarjeta, finalizando com o asfaltamento de todas as vias trabalhadas. Os trabalhos que iniciaram em fevereiro, tem a previsão de serem entregues para a população até agosto deste ano, beneficiando uma média de 150 famílias.

Amazonianarde

 

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.