Inpa promove duas rodadas seguidas do Circuito da Ciência nos próximos sábados

(Reportagem: Cimone Barros)

Tanques de peixes-bois, viveiro de ariranhas, tartarugas, iaçás, jacarés, peixes, poraquês, condomínio das abelhas, trilhas educativas e suspensas, abraço da morte, casa de madeira, Ilha da Tanimbuca (árvore de 600 anos) e casa da Ciência.

Essas são algumas das atrações do Bosque da Ciência, do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/ MCTI), que oferece duas rodadas seguidas do Circuito da Ciência, nos próximos dois sábados (30 de novembro e 7 de dezembro), das 8h às 12h.

O projeto Circuito da Ciência utiliza oficinas, exposições científicas, jogos educativos e um ambiente de 13 hectares do Bosque recheado de fauna e flora peculiares da Amazônica para socializar com a comunidade informações técnicas e científicas produzidas pelo instituto de pesquisa. O Bosque fica na rua Otávio Cabral, Petrópolis, Zona Centro Sul de Manaus.

“Em 2014, vamos para o nosso 15º ano do Circuito da Ciência, com mais de 50 mil estudantes atendidos pelo projeto. Isso o consolida como o principal programa de popularização da ciência do Inpa, pelo seu tempo, alcance e resultados”, disse o coordenador do Bosque da Ciência, Jorge Lobato.

Na rodada do próximo sábado (9ª edição), cerca de 300 crianças de quatro escolas estão agendadas para participar gratuitamente do projeto (Escola Municipal Alexandrina Rodrigues Barros, da Colônia Santo Antônio; Escola Municipal Olga Figueiredo, do Alfredo Nascimento; Escola Estadual Samuel Benchimol e Escola Estadual Roberto dos Santos Vieira, as duas últimas do Nova Cidade. O Bosque também está de portas abertas para receber visitantes, mas é cobrado ingresso de R$ 5, exceto para crianças até 10 anos e idosos a partir de 65 anos.

De acordo com Lobato, uma vez por mês, sempre no último sábado, o Inpa realiza o Circuito da Ciência. Mas em ocasiões especiais, há mudança de agenda. No primeiro sábado de dezembro será realizada a 10ª edição do Circuito, por conta do término do ano letivo escolar e para não conflitar com as festas de fim de ano.

Na programação do Circuito constam oficinas e exposições, como Malária e Dengue, Lishmaniose, Abelhas das Orquídeas, Insetos Aquáticos, Jogos educativos (Lapsea), Herbário e Carpoteca, A Floresta em uma Biblioteca, Recurso Hídricos, Saúde Bucal (UEA/UFAM), Sala de Ciências (Ufam), Sala de Ciências (SESC), Gestão de Resíduos (Moto Honda).

Também participam os projetos Com posição Certa (Uninilton Lins), Com Postura (Fametro), Exposição de Produtos Reaproveitáveis e Jogos Ambientais (Semmas), Coleta Seletiva (Semulsp), Manaus Ambiental, Despertando a Consciência (Uninorte), Pirogravuras em Papel Reciclado, Atividades Ambientais (Câmara Nipo), Grupo de Escoteiro Amazonas, Projeto Dislexia (PCE E.E José Sobreira do Nascimento/ Tarumã).

Funcionamento

O Bosque da Ciência está de portas abertas para receber visitantes de terça a sexta-feira, das 9h às 12h e das 14h às 16h30 (entrada), e sábados, domingos e feriados das 9h às 16h30 (entrada). Na segunda-feira, o espaço é fechado para manutenção.

Grupos escolares têm entrada gratuita, desde que seja feita solicitação via ofício. Aos demais, o ingresso custo R$ 5 (exceto crianças até 10 anos e idosos a partir de 65 anos). Mais informações pelos telefones (92) 3643-3192/ 3312/ 3293.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.