INPA participa da discussão de pesquisas para o setor primário

Manaus – Com o tema “Reunião de trabalho sobre o setor primário nas zonas periurbanas e rural no município de Manaus” o segundo encontro buscou ter mais elementos para construir planos de ação e parcerias para elaborar políticas públicas de desenvolvimento do setor.

O Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI) sedia nesta sexta-feira (5), no Auditório da Ciência, o 2º encontro com órgãos do setor primário com o objetivo de apresentar pesquisas desenvolvidas pelos institutos e centros de pesquisas e universidades que possam ser aplicadas no setor primário, tornando-o autossuficiente no Amazonas.

De acordo com a coordenadora de Tecnologia Social (COTS) do Inpa, Denise Gutierrez, o primeiro encontro teve um resultado positivo em conhecer a área que cada Instituto desenvolve. “O primeiro encontro teve uma reação bem produtiva no sentido das pessoas conhecerem o potencial do Instituto, e ficaram estimuladas com o que o Inpa poderia desenvolver. Ao mesmo tempo identificamos várias convergências com parceiros e propostas de juntar forças”, destaca.

No primeiro encontro, ocorrido no dia 22 de março, a pesquisadora do Inpa Elizabeth Gusmão apresentou as tecnologias desenvolvidas pelo Instituto na área industrial, empresarial e social.

Ao final desta reunião a Secretaria Municipal de Empreendedorismo e Abastecimento de Manaus (Sempad) irá propor a formulação de uma carta com as contribuições de todas as instituições para o setor produtivo.

Instituições envolvidas

Treze instituições de pesquisa e ensino, além do Inpa, participam do encontro: Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Ministério de Desenvolvimento Agrário (MDA), Secretaria do Estado de Produção Rural (Sepror) e Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam), Secretaria de Desenvolvimento Sustentável (SDS), Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS), Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural da Federação de Agricultura e Pecuária do Estado do Amazonas (SENAR/FAEA), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Instituto Nacional de Colonização e reforma Agrária (Incra), Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

Fonte: Ascom, Inpa 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.