IDAM capacita agricultores em Fonte Boa

O governo do Estado, por intermédio do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas – IDAM realizou, no período de 26 a 28 de julho, no município de Fonte Boa, o curso de Produção de Hortaliças Orgânicas, voltado para agricultores locais.

O objetivo foi promover vivência prática e conhecimentos em tecnologias adequadas à produção orgânica de hortaliças, visando à melhoria do desempenho da mão de obra familiar na atividade, além de incentivar o cultivo de hortaliças como mais uma atividade agrícola viável, economicamente.

De acordo com a engenheira agrônoma do IDAM, Suelen Reis, uma das preocupações do governo estadual é oferecer qualidade de vida ao agricultor familiar e o incentivo a diversificação da produção tem sido uma constante no município. “Nossa intenção é que haja aumento de renda no campo e, consequentemente, assegurar a segurança alimentar e melhoria nas técnicas que visem o aumento da produtividade do cultivo”, disse Reis, reforçando a vantagem que a atividade possui, que é a de causar o mínimo de impacto no meio ambiente.

A programação constou de palestras, onde foram abordados assuntos que referentes à importância alimentar e nutricional das hortaliças até a parte da comercialização. Na teoria o destaque foi para a classificação das hortaliças, planejamento da horta, escolha da área adequada para fazer o cultivo, o uso da quantidade de adubo necessário para ser adicionado no canteiro. Os participantes conheceram os tipos de doenças e pragas comuns das culturas e aprenderam a fazer receitas de defensivos agrícolas alternativos para o controle de pragas e doenças da horta, evitando, desta forma, a utilização de agrotóxicos.Na hora da parte prática do treinamento, eles arregaçaram as mangas para fazer mudas, preparar os canteiros e plantar hortaliças. O IDAM distribuiu um “Guia Prático de Hortaliças”, que deve auxiliar os agricultores na atividade diária.

Para os participantes, muitas das informações abordadas no curso foram novidades. O agricultor Oseas Rabelo aprendeu a misturar melhor a terra, preparar os canteiros e utilizar o adubo de forma correta. “Agora vou aumentar a produção da horta em canteiro suspenso”, disse.

O aprendizado ampliou a visão da dona Missilene Lima que já planeja aumentar o número de canteiros. Ela está ansiosa para começar a produzir verduras e legumes, com as novas informações adquiridas.

O curso animou a agricultora Luz Maria que embora já possuir horta, desconhecia as técnicas de cultivo. “Aprendi muitas coisas que sei que irão me ajudar a aumentar minha produção e quem sabe até vender algumas verduras”, afirmou.

A iniciativa do IDAM foi importante para colocar os agricultores em contato com a prática, mostrando que não é impossível aplicar certas técnicas no dia a dia.De acordo com a gerente da Unloc/IDAM, Maria Oliveira, o contato direto é a melhor maneira de transmitir os conceitos da agricultura orgânica.

Importância

As hortaliças são ricas em vitaminas e sais minerais, com bom teor de proteínas e fibras, além de outras virtudes dietéticas e até terapêuticas. Por isso, é comum os médicos incluí-las em regimes alimentares e na composição do cardápio diário.
As mais significativas produzidas no Amazonas são: alface, batata-doce, couve, pimentão e tomate.

(Por: Núbia Pereira – IDAM)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.