Grupo de “sem teto” invade casas populares do Pascal Alággio

Casas invadidas

Casas invadidas

Amazonianarede – Repórter Parintins

Parintins, AM – Um grupo de 46 famílias sem teto ocuparam no início da noite desta segunda-feira, 21, as 46 casa populares inacabadas, localizadas no bairro Pascal Alággio, que fazem parte do programa de moradias populares do Ministério das Cidades em parceria com a prefeitura municipal.

As obras foram paralisadas no ano passado na administração do ex-prefeito Bi Garcia e Messias Cursino.
Mesmo sem água e sem energia elétrica nas construções, as famílias levaram para dentro das casas camas, redes e todos os pertences. A maioria resolveu fazer uma fogueira em frente da casa para aguardar um posicionamento das autoridades.

De acordo com os invasores, a iniciativa de ocupar as casas foi devido a demora em concluir as moradias. Ana Rúbia Lima de Souza, 39, uma das ocupantes do local, disse que eles receberam a informação que as casas seriam demolidas pelo prefeito Alexandre da Carbrás (PSD) para dar lugar a construção de um presídio.
“Nós não temos onde morar e já que as casa tem mais da metade pronta resolvemos assumir o que é nosso, porque fui sorteada e até agora nada de darem um posicionamento pra gente”, argumentou dona Ana Rúbia.

Para garantir a ordem no local a Polícia Militar foi acionada, porém apenas conversou com as pessoas e orientou para que todos fossem retiradas do local. Também estiveram secretários municipais que tranquilizaram os ocupantes das casas para permanecerem no local até a manhã desta terça-feira, 22, quando será feito o cadastramento de cada família que está morando nas casas populares.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.