Greve dos bancários completa uma semana e cerca de 100 agências não funcionam no Estado

(Foto: Sérgio Costa – Amazonianarede)

A população de Manaus e dos municípios de Iranduba, Manacapuru, Presidente Figueiredo, Itacoatiara, Parintins, Tefé e Coari, está tendo dificuldades para saldar seus compromissos financeiros, considerando que as transações só poderão ser feitas pela internet, loterias, correios e supermercados credenciados, mas existe um valor limite para o pagamento de contas.

Para saques, nos caixas eletrônicos existe também um limite, fato que vem atrapalhando a vida financeira de milhares de pessoas.

O movimento nacional que foi aderido pelo Sindicato dos Bancários no Amazonas, mantém fechadas 86 agências na capital e em mais sete municípios do Estado, envolvendo aproximadamente 100 agências e o movimento segue firme e sem data par terminar. A categoria luta por melhores condições de trabalho e um reajuste salarial de 11,93%.

Em outros estados brasileiros, o número de agências bancárias afetadas atinge a marca de 46,6%, das 21.500 espalhadas por todo o país.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.