Governo do Estado incentiva agricultores a investir em canteiros suspensos para evitar a cheia

Canteiros suspensos

Canteiros suspensos

O plantio de hortaliças em canteiros suspensos ainda é novidade no município de Tabatinga (a 1.108 km de Manaus), mas promete ganhar impulso graças ao apoio do Governo do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam). Desde o mês de agosto, cinco famílias de agricultores estão coordenando uma Unidade Demonstrativa, implantada na comunidade Terezina III, com o objetivo de diversificar a produção local liderada pelo açaí, mandioca e banana.

A implantação de canteiros suspensos foi a forma encontrada pelo Idam de evitar perda total da produção agrícola, nas áreas de várzea, principalmente na época das enchentes, quando o rio Solimões enche e atinge as plantações. Além de acompanhar todo o processo, desde a construção dos espaços até a colheita, os técnicos do Idam também orientam os agricultores sobre a importância de cultivar hortaliças.

“A ideia é despertar o hábito de comer verduras”, disse o técnico agrícola da Unidade Local do Idam, Zoroasto Brandão. Ele informou que toda a área já foi adubada e até o final desse mês será dado início ao plantio de couve, cebolinha, coentro e pimentão. A previsão é que no início do mês de dezembro sejam feitas as primeiras colheitas.

Visibilidade

O trabalho em coletividade está chamando a atenção de outras comunidades que também já mostram interesse em produzir hortaliças, tanto para consumo próprio quanto para comercialização, do excedente. Por conta disso, a Unloc está programando uma excursão, envolvendo as mais de dez comunidades de várzea. O objetivo é fazer com que os agricultores conheçam de perto as técnicas e passem a aderir a atividade, fortalecendo a produção que ainda é considerada pequena no município.

As hortaliças são alimentos indispensáveis para a dieta equilibrada, pois são importantes fontes de vitaminas, sais minerais, carboidratos, fibras e outras substâncias como β-caroteno que contribuem, indiscutivelmente, para a saúde humana.

Unidade Demonstrativa

É um método planejado, envolvendo a demonstração de uma técnica ou um conjunto de técnicas já comprovadas para a região, que são empregadas e/ou utilizadas por um produtor – demonstrador, sob orientação e controle técnico, com a finalidade de criar um exemplo vivo na comunidade, para posterior adoção pelos demais produtores.

(Por:Agecom)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.