Funcionários de lanches demolidos terão novos empregos

A Secretaria Municipal de Trabalho, Emprego e Desenvolvimento (Semtrad) está intermediando novas oportunidades para trabalhadores que eram empregados das lanchonetes demolidas na Praça da Matriz.

São 60 pessoas, entre chapeiros, atendentes, caixas e auxiliares de cozinha, funcionários de oito estabelecimentos, desativados pelo Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), no processo de revitalização do Centro de Manaus.

O secretário em exercício da Semtrad, Vicente Filizzola, reuniu-se com um grupo na sede do Sistema Nacional de Emprego (Sine), nesta segunda-feira, onde ficou definido o cadastramento de todos no sistema. “A nossa intenção é que já saiam empregados daqui. Há uma orientação do prefeito Arthur Virgilio Neto para darmos prioridade a esses trabalhadores”, comentou.

Maira da Silva Lima, que atuava em uma das lanchonetes como chapeira, achou excelente a ideia de colocar um órgão da Prefeitura à disposição dos trabalhadores, disponibilizando atendimento especial. “Tenho uma filhinha e pago aluguel de R$ 450 por mês e ao sair daqui encaminhada para um emprego, ficarei bem mais tranquila. Nós queremos uma ocupação que seja digna”, disse ela.

Filizzola afirmou que os servidores estão empenhados a encontrar novas oportunidades. “Esperamos que até sexta-feira todas as pessoas que ficaram em situação de desemprego sejam devidamente encaminhadas e consigam trabalho com apoio do Sine. A equipe da secretaria está empenhada nesse propósito”, finalizou o secretário em exercício.

(Reportagem: Michelangelo Botto)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.