Fiscalização aperta o cerco para restringir a circulação de carretas no centro

Manaus – A Prefeitura de Manaus iniciou, nesta segunda-feira, 08, a fiscalização para coibir a circulação de carretas no Centro da cidade. Até o final da manhã, nenhuma infração foi registrada pelos 30 agentes de trânsito que estão distribuídos na área.

Na Manaus Moderna, o movimento era apenas de caminhões com menos de oito toneladas e, portanto, não se enquadram às novas normas.

A multa para quem desrespeitar o perímetro que envolve a Zona Máxima de Restrição de Circulação de carretas, é de R$ 85,13 e o condutor perderá quatro pontos na carteira.

A restrição envolve as principais ruas e avenidas do Centro, como Leonardo Malcher, Floriano Peixoto, Sete de Setembro e Joaquim Nabuco e é valida de 2ª à 6ª feira, de 6h às 20h e no sábado de 6h às 17h.

Veículos que prestam serviços de utilidade pública na área central e que ultrapassem as oito toneladas, precisam retirar uma autorização provisória, valida por 30 dias, na sede do Manaustrans, localizada na av. Tefé, 850, Japiim.

“A autorização é apenas para o veículo específico de serviço de utilidade pública. É intransferível. Se for flagrada alguma irregularidade, o condutor será autuado da mesma forma. Como a autorização tem validade de 30 dias, todo mês o condutor precisará ir à sede do órgão para renová-la. Não será cobrada nenhuma taxa para que seja dada a autorização”, declarou o diretor de Operações do Manaustrans, cel. Raimundo Encarnação.

Fonte: Semcom

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.