Entregue pela Prefeitura a segunda etapa da Av. Eduardo Ribeiro

Prefeitura entrega a segunda etapa da revitalização histórica, da Av. Eduardo Ribeir

 

Prefeitura entrega a segunda etapa da revitalização histórica, da Av. Eduardo Ribeir
Prefeitura entrega a segunda etapa da revitalização histórica, da Av. Eduardo Ribeiro

Manaus, AM – A cidade de Manaus começa a reviver um pouco da sua bela e gloriosa história do passado, com a revitalização da Av. Eduardo Ribeiro, como base no passado histórico. Neste  sábado pela  manhã, o prefeito Arthur Neto, entregou a  segunda parte das obras finalizadas na Avenida.

Após o Carnaval, o trecho entre a Avenida Sete de Setembro e Rua 24 de Maio serão interditados para terceira parte de reformas. A estimativa é que as obras no local sejam concluídas em 120 dias após o início.

O subsecretário da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), Antônio Nelson,  as obras das próximas etapas, que compreendem o encontro da Avenida Eduardo Ribeiro com as ruas 24 de Maio, Saldanha Marinho e Avenida 7 de Setembro, vão seguir em ritmo acelerado.

“Em conversa com a CDL [Câmara de Lojistas de Manaus] e a ACA [Associação Comercial do Amazonas] nós definimos um cronograma de 120 dias. Porém, vamos trabalhar com um terceiro turno, um turno que vai se estender até meia-noite, e possivelmente vamos enxugar esse prazo”, estima.

Conforme o subsecretário, as revitalizações estão sendo feitas com cuidado porque embaixo da avenida pode haver sítios arqueológicos.

O trecho onde foi descoberto trilhos do Bondinho, no cruzamento da Avenida Eduardo Ribeiro com a Rua 10 de Julho vai continuar interditado para o prosseguimento doos trabalhos  de limpeza e restauro dos trilhos.

Nova interdição

O trânsito no trecho entregue nesta sexta está liberado até a altura da Rua José Clemente, onde os veículos podem acessar as ruas Joaquim Sarmento e Lobo D’Almada. Nova interdição
O trecho da Avenida Eduardo Ribeiro entre a Avenida Eduardo Ribeiro e a Rua 24 de Maio será o próximo a passar pela revitalização.

A interdição está prevista para acontecer após o Carnaval. Durante os trabalhos na avenida, as calçadas vão continuar livres para a passagem de pedestres.

A Rua 24 de Maio vai permanecer livre para tráfego. Os desvios necessários para o trânsito na área central estão sendo definidos pelo Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans).

Amaazonianarde

 

 

 

 

A

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.