Azuis e vermelhos juntos em manifestação pacífica em Parintins

Parintins – As manifestações que desde o início da Copa das Confederações com milhões de brasileiros nas ruas pedindo melhores das ações do Governo, com uma série de reivindicações específicas, saiu de Manaus e começa a se espalhar pelo interior amazonense.

No Amazonas, já foram registradas manifestações em Tabatinga, Itacoatiara, Iranduba e ontem, as vésperas de abrir o Festival Folclórico de Parintins, o movimento chegou ontem às da cidade de Caprichoso e Garantido.

Os manifestantes se concentraram em dois pontos: um grupo saiu da rua Jonathas Pedrosa, no Centro, e outro saiu do bairro da Francesa. Eles se encontraram na Avenida Amazonas, a principal da cidade, e seguiram ao Bumbódromo. Parte da via foi interditada e os policiais escoltaram os manifestantes por todo o caminho.

Na Avenida Amazonas, os manifestantes cantaram o hino nacional e questionaram o alto investimento no Festival, com gritos de guerra como: “Do festival eu abro mão, quero dinheiro pra saúde e educação”. Eles também carregam cartazes que pediam que o Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-Am) e a Policia Militar permanecessem na ilha apos o festival. Vários lojistas aplaudiram a passeata ao longo do caminho.

Depois de dobrar na rua Cordovil, os manifestantes chegaram à frente do Bumbódromo por volta das 19h. No local, eles cantaram o hino nacional de mãos dadas, aplaudiram o protesto pacífico e a Polícia Militar apenas observou o movimento que ocorreu de forma pacífica.

O interessante dessa história, é que durante o protesto, azuis e vermelhos se misturam nas ruas e trocaram a rivalidade de Festival para reivindicar melhorias para o País e para os brasileiros.

(Amazonianarede – Redação) 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.