A Drenagem profunda levará qualidade de vida a moradores da Santa Marta

A Prefeitura de Manaus intensificou as ações de infraestrutura nas ruas da Comunidade Santa Marta, no bairro Rio Piorini, zona Norte da cidade. O serviço, coordenado pela Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), teve início nesta semana, após uma solicitação dos moradores.

Eles reclamavam das constantes alagações devido ao transbordamento do igarapé Santa Marta, que corta as vias Santa Rita, Divinópolis e Niterói.

Na ação, serão executados aproximadamente 300 metros de drenagem profunda, aterro, contenção de rip-rap, colocação de 12 caixas coletoras com 3 metros de diâmetro, contenção com perereca (barreira com cimento e argila), tubulação com três linhas de 1 metro e meio de diâmetro, meio-fio, sarjeta e asfalto. Doze homens, com auxílio de maquinário pesado, trabalham para concluir a intervenção em 60 dias.

De acordo com o chefe da Divisão Distrital do Novo Israel, Enéas Gonçalves, as alagações eram ocasionadas pela construção de moradias irregulares no leito do igarapé. Para amenizar a situação, a Seminf realiza drenagem profunda com implantação de linhas de canalização nas vias. “As construções irregulares são comuns nessa área e, na época das chuvas, a população sente o impacto ambiental, pois o igarapé transborda e alaga as residências. Estamos executando drenagem com implantação de grandes caixas coletoras e três linhas de tubulação em cada trecho de via. Esse trabalho evitará futuras erosões e alagações’’, explicou.

A drenagem profunda, essencial na construção de vias, é um dos serviços básicos prioritários do prefeito Arthur Neto e do vice-prefeito e secretário da Seminf, Hissa Abrahão, para propiciar dignidade e qualidade de vida a moradores de bairros com infraestrutura precária e sem planejamento urbano.

“Também vamos levar obras de infraestrutura para as comunidades com histórico de construções irregulares. Queremos dar para a população que mora nestas áreas condições de moradia digna. Temos potencial para modificar a vida dos moradores destas regiões”, ressaltou Hissa Abrahão.

Foto: Alexandre Fonseca
Texto: Polyana Brelaz

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.