Vereador faz duras críticas ao Sindicato dos Rodoviários e às empresas de transporte coletivo

(Foto: Tiago Corrêa/CMM)

“Os rodoviários têm que cobrar as dívidas trabalhistas das empresas de ônibus na instância correta, que é a Justiça do Trabalho, e esta precisa penalizar esses empresários irresponsáveis com todo o rigor que a lei permite”.

Esta é a opinião do vereador Joãozinho Miranda (PTN), segundo vice-presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), que criticou duramente os dirigentes do Sindicato dos Rodoviários na manhã desta segunda-feira (26), pela forma como vem se comportando, com ameaças constantes de greves que, segundo afirmou, só trazem prejuízos à população.

“Dívida trabalhista tem que ser cobrada na Justiça do Trabalho. E a empresa que não honra seus compromissos trabalhistas tem que ser punida. Essas greves que vêm sendo orquestradas pelo Sindicato dos Rodoviários não passam de armações políticas. Os rodoviários querem penalizar os empresários de ônibus? Que deixem a catraca livre e façam doer no bolso deles, e não da população, porque um dia perdido de trabalho pela impossibilidade de ir e vir faz muita falta a qualquer cidadão no final do mês”, ressaltou.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.