Só 70 comparecem a jantar para mensaleiros no DF

Amazonianarede com Estadão Conteúdo

Brasília – O jantar promovido pela Juventude do PT de Brasília para arrecadar dinheiro que bancaria as multas aplicadas pelo Supremo Tribunal Federal (STF) aos petistas condenados no julgamento do mensalão teve mais repercussão que convidados presentes. Dos 170 convites oferecidos, 150 foram vendidos até o final do evento, segundo a organização. Porém, a quantidade de presentes revelou que poucos na militância estavam dispostos a mostrar a cara em favor dos mensaleiros. Apenas 70 pessoas foram ao evento na Galeteria Gaúcha, restaurante localizado em um dos barros nobres da cidade. Não compareceu nenhum nome de expressão do partido, muito menos os próprios “homenageados”.

Os ingressos custavam entre 100 e 1 000 reais. Contudo, por orientação da direção nacional do PT, não foi informado o total arrecadado no jantar. Do total levantado, serão retirados os custos da festa – 46 reais por pessoa, inclusos o buffet e bebida não alcoólica.

Os condenados que receberão o valor para o pagamento das multas são José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil condenado pelo Supremo por chefiar a quadrilha; José Genoíno, ex-presidente do PT e recém empossado deputado federal, apesar da condenação; o deputado João Paulo Cunha e o ex-tesoureiro do partido Delúbio Soares. O total das multas aplicadas aos quatro condenados chega a 1,8 milhão de reais.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.