Seduc e MMA firmam parceria para fortalecer a Educação Ambiental nas escolas estaduais

Buscando fortalecer o apoio à educação ambiental nas escolas públicas do Amazonas, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) recebeu, nesta segunda-feira, 19 de agosto, o consultor do Ministério do Meio Ambiente (MMA), Cristiano Cunha.

Além da visita, o representante do MMA, acompanhará as pré-conferências Infanto-Juvenis pelo Meio Ambiente realizada pela Seduc em parceria com o Ministério da Educação (MEC), mobilizando 307 escolas, sendo 246 escolas da capital e 61 do interior, totalizando aproximadamente dois mil alunos, superando os anos de 2008 e 2009.

O cerne da reunião com o secretário de Educação, Rossieli Soares da Silva, foi o fortalecimento do apoio do Governo Federal com o Governo Estadual sobre a política nacional de educação ambiental, o reforço da importância da conferência de nível estadual e do Programa Nacional de Escolas Sustentáveis que será lançado neste ano pelo MEC.

Segundo Rossieli, cultivar no ambiente escolar o tema educação ambiental estimula os alunos a multiplicar hábitos que preservem a escola e o nosso planeta.

“A Educação Ambiental é um tema transversal que faz parte do cotidiano de nossa rede escolar e entendemos que merece a máxima atenção, uma vez que os alunos ao compreender a importância do cuidado com o meio-ambiente tornam-se multiplicadores do que é assimilado no ambiente escolar”, disse o secretário.

Para o consultor do MMA, Cristiano Cunha, dialogar com a Seduc sobre a pré-conferência estadual é fundamental, visto que a Seduc em parceria com outros órgãos do Estado organiza o evento.

“As secretarias de Educação são fundamentais para a realização das pré-conferências estaduais, pois, além dos recursos serem alocados dentro das secretarias, elas organizam as pré-conferências por meio de uma comissão. As secretarias também realizam todo o processo de compra de passagens da delegação que representará seus Estados em Brasília durante a conferência nacional, então são questões burocráticas que precisam ser tratadas, além disso, buscamos o apoio institucional para que a educação ambiental cresça cada vez mais nas escolas,” destacou Cristiano.

Pré-conferências – Durante a manhã o consultor do MMA participou da pré-conferência Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente na Escola de Tempo Integral Marquês de Santa Cruz, no bairro São Raimundo. A Conferência teve como objetivo analisar, discutir e refletir coletivamente sobre o ambiente escolar e seu entorno, formulando novas propostas para a implantação de um processo educativo que possibilite melhor qualidade de vida a partir da concepção de escola sustentável.

Sobre a 4ª Conferência Nacional – A 4ª Conferência Nacional Infanto juvenil pelo Meio Ambiente (Cnijma), faz parte de uma estratégia pedagógica de educação difusa para adensar conteúdos e trazer para a escola a dimensão política da questão ambiental. Caracterizada pela mobilização e engajamento dos adolescentes e da comunidade escolar em debates sobre temas socioambientais contemporâneos, tendo como foco as escolas que possuem pelo menos uma das séries ou um dos anos finais do ensino fundamental (6º ao 9º ano).

A Conferência Estadual tem previsão para acontecer no período de 25 a 28 de setembro com a participação de 190 pessoas entre professores, alunos e convidados.

(Foto: Eduardo Cavalcante – Seduc)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.