Programa Mania de Ler realiza a quinta etapa do projeto Edição de Livros

Manaus – Visando promover, lançar e reeditar obras de amazonenses consagrados da literatura amazônica, o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Cultura (SEC), realiza, nesta quinta-feira, dia 11 de abril, às 18h, no hall superior da Biblioteca Pública (rua Barroso, nº 57, Centro, zona sul), a quinta etapa do Projeto Edições de Livros, do Programa Mania de Ler.

Serão lançadas as obras “Rio Profundo”, de Luís Sevalho; “Leia Comigo”, de Luís Costa; e “Paixão de um Pescador – Uma História de Ciranda”, de Dermilson Andrade. As obras retratam o meio ambiente, o amor, entre outros temas, tendo como cenário o mundo amazônico.

“A leitura constante auxilia a criar familiaridade com o mundo da escrita, o que facilita o aprendizado em todas as áreas do saber, já que o principal suporte para o aprendizado na escola é o livro. Além disso, ler também é importante porque ajuda a fixar a grafia correta das palavras. Incentivar a literatura amazonense é uma forma de valorizar a cultura regional”, ressaltou o secretário de Cultura, Robério Braga.

Sinopses – O trabalho do professor Luís Alberto Lopes Sevalho, em sua forma simples e objetiva, é de inestimável valor para todos aqueles que buscam ampliar seus conhecimentos por meio da pesquisa. “Rio Profundo” é uma coletânea fascinante de conhecimentos gerais que nos arremete a uma viagem desde o ponto de partida, como tudo começou no município de Tefé, até os momentos atuais onde o mundo inteiro vê a preocupação, entre as grandes tormentas, o aquecimento global.

A obra “Leia Comigo” é fruto de uma seleta garimpagem no mundo das diversas publicações que Luís Costa fazia desde os oito anos de idade, guardando tudo que achava interessante em um baú escondido. Era seu mundo particular e seu estonteante prazer intelectual, até que um dia, seu filho, Ricardo Costa, descobrindo o seu valioso tesouro escondido, tirou algumas amostras e entregou ao governador Gilberto Mestrinho, que, por sua vez, achou que esse tesouro se tratava de pérolas do pensamento universal. Foi o suficiente para inculcar em Luís Costa a ideia de publicá-las.

“Paixão de um Pescador: Uma História de Ciranda” é um livro simples, mas que faz o leitor pensar sobre o amor e refletir sobre os encontros e desencontros da vida. O texto é de uma rara leveza, e permite, através de suas imagens, visualizar a aquarela do cenário amazônico, calmo, límpido, deslumbrante, mas paradoxalmente enigmático.

Fonte – Agecom

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.