Prisão de condenados na ação penal 470 deve ficar para 2014

Amazonianarede – Brasil247

Brasília – Já estão definidas as condenações, assim como a dosimetria das penas dos condenados do núcleo político da Ação Penal 470, mas as prisões ainda vão demorar. Antes disso, virá a publicação do acórdão, não antes de março do ano que vem, e os embargos que serão apresentados pelos réus.

José Dirceu, por exemplo, pode apresentar embargos na condenação por quadrilha, onde recebeu quatro votos pela absolvição. Novos ministros deverão participar dos julgamentos desses embargos. Por isso mesmo, especialistas preveem que eventuais prisões não ocorrerão antes de 2014, ainda que o procurador Roberto Gurgel, e o presidente do STF, Joaquim Barbosa, tentem antecipá-las, com o apoio de parlamentares. “O STF devia mandar prender os condenados (do mensalão). Os embargos infringentes e declaratórios não mudam a decisão”, diz o senador Pedro Taques (PDT/MT).

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.